Quem é Stewart Rahr, o polêmico sombra de Donald Trump

Getty Images
O bilionário, amigo de longa data de Trump, construiu uma reputação a partir de negócios e escândalos

Donald Trump fez com que um falso comprador desse um lance por um retrato seu em um leilão de arte, apenas para garantir que o retrato tivesse o mais alto preço possível, de acordo com o testemunho juramentado de seu ex-advogado Michael Cohen a um comitê do Congresso, na última quarta-feira (27). O farsante, o bilionário Stewart Rahr, ofereceu US$ 60 mil pela obra de William Quigley — um valor que seria reembolsado pela fundação de caridade de Trump, medida que pode ter violado a lei.

LEIA MAIS: Ex-advogado ataca Trump: “Ele é um vigarista”

Em 2013, a Forbes foi atrás de sua vida agitada. À época, o amigo Donald Trump o definiu como alguém “diferente” dos outros. “É um personagem e é divertido estar com ele.” Saiba quem é Stewart Rahr:

  • Ele é um amigo — e cliente — de longa data de Trump

    A fundação de Rahr alugou um escritório luxuoso no 24º andar da Trump Tower, apenas dois andares abaixo do antigo escritório do atual presidente norte-americano. A poucos quarteirões de distância dali, Rahr tem uma cobertura de 370 metros quadrados na Trump Park Avenue, um apartamento comprado da Trump Organization por US$ 13 milhões em 2004, quando se tornou vizinho de Jared Kushner e Ivanka Trump antes da mudança para Washington. Na ocasião em que Trump anunciou sua candidatura à Casa Branca, Rahr pôde ser visto na plateia que o aplaudiu.

  • Ele é aposentado e rico

    Rahr cresceu em Rockaway, no bairro do Queens, em Nova York, onde diz ter tido poliomielite na infância. Após desistir da faculdade de direito na Universidade de Nova York, assumiu a pequena distribuidora farmacêutica do pai, a Kinray. Ele transformaria o negócio da família na maior atacadista farmacêutica de capital privado dos Estados Unidos e a venderia por US$ 1,3 bilhão para a Cardinal Health, em 2010. Hoje, seu patrimônio líquido é estimado pela Forbes em US$ 2,3 bilhões.

  • Ele ama celebridades — e mulheres

    Rahr desenvolveu uma reputação marcada por enormes escândalos, por e-mails muitas vezes cheios de fotos de mulheres seminuas ou com estrelas como Leonardo DiCaprio e Paris Hilton.

  • Ele ama colecionar arte

    Quando a Forbes deu uma olhada no apartamento de Rahr, as paredes estavam cobertas de obras de Picasso, Miró e Koons. Sua coleção também inclui obras de Damien Hirst e Alexander Calder.

  • Teria ameaçado com arma um ascensorista

    Dez dias depois de ser banido do restaurante japonês de Robert De Niro, o Nobu, em 2012, por causar uma cena, Rahr retornou às manchetes policiais. De acordo com o “New York Times”, a polícia apreendeu duas armas do bilionário após uma discussão com um ascensorista de elevador da Trump Tower

  • Ele pode ter uma sex tape

    “Foi na França, eu era solteiro”, Rahr contou à Forbes depois de vir à público que ele havia enviado a amigos cópias de um vídeo que fez no banco de trás de uma limusine, com três mulheres.

  • Ele é um filantropo

    A sua fundação, Stewart J. Rahr Foundation, se declara dedicada a apoiar a “juventude, educação e pesquisa médica” e tem dado dinheiro para a caridade de Michael Milken e a Make-A-Wish Foundation. Ao longo da carreira, Rahr é conhecido por emprestar dinheiro a clientes de pequenas empresas para ajudá-los a se expandir ou a enfrentar tempos difíceis.

Ele é um amigo — e cliente — de longa data de Trump

A fundação de Rahr alugou um escritório luxuoso no 24º andar da Trump Tower, apenas dois andares abaixo do antigo escritório do atual presidente norte-americano. A poucos quarteirões de distância dali, Rahr tem uma cobertura de 370 metros quadrados na Trump Park Avenue, um apartamento comprado da Trump Organization por US$ 13 milhões em 2004, quando se tornou vizinho de Jared Kushner e Ivanka Trump antes da mudança para Washington. Na ocasião em que Trump anunciou sua candidatura à Casa Branca, Rahr pôde ser visto na plateia que o aplaudiu.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).