BMW e Jaguar Land Rover se unem por peças de elétricos

Montadoras disseram que vão economizar custos com nova parceira

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Ambas as montadoras estão sob pressão para lançar veículos de emissão zero para cumprir regras rigorosas de combate à poluição

Acessibilidade


A BMW e a Jaguar Land Rover disseram hoje (5) que desenvolverão motores elétricos, transmissões e eletrônica de potência em conjunto, revelando ainda outra aliança industrial destinada a reduzir os custos de desenvolvimento de carros elétricos.

LEIA MAIS: Volks e JAC planejam fábrica de elétricos na China

Ambas as montadoras estão sob pressão para lançar veículos de emissão zero para cumprir regras rigorosas de combate à poluição, mas têm lutado para manter as margens de lucro diante do aumento dos custos de fabricação de carros elétricos, carros conectados e autônomos.

“Juntos, temos a oportunidade de atender com mais eficiência às necessidades dos clientes, reduzindo o tempo de desenvolvimento e trazendo veículos e tecnologias de última geração mais rapidamente ao mercado”, disse o membro do conselho da BMW, Klaus Froehlich.

A BMW e a Jaguar Land Rover disseram que vão economizar custos por meio de desenvolvimento compartilhado, planejamento de produção e compra conjunta de componentes de carros elétricos. Ambas as companhias produzirão unidades de transmissão elétricas em suas próprias fábricas, disse a BMW.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Nick Rogers, diretor de engenharia da Jaguar Land Rover, disse: “Provamos que podemos construir carros elétricos superando o mundo, mas agora precisamos expandir a tecnologia para dar suporte à próxima geração de produtos Jaguar e Land Rover”.

VEJA TAMBÉM: Toyota e Suzuki fazem parceria para carros elétricos

A BMW já tem um acordo para fornecer um motor de 8 cilindros para a Jaguar Land Rover.

“As montadoras estão muito menos hesitantes em compartilhar a tecnologia de carros elétricos porque é muito mais difícil criar diferenciação de produto com a tecnologia de carros elétricos. Todos eles aceleram rapidamente e todos podem fazer um trabalho de qualidade na condução e manuseio”, diz Carl-Peter Forster, executivo da Tata Motors e ex-executivo da BMW.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Compartilhe esta publicação: