Mercado dos EUA registra crescimento com varejo

Getty Images
Target e Lowe’s foram os protagonistas dessa alta

Resumo:

  • Mercado de ações dos Estados Unidos volta a subir após semana de queda e medo de crise iminente;
  • A alta se deu principalmente por conta dos lucros vindos da indústria de varejo norte-americana.

O mercado de ações norte-americano voltava a subir hoje (21), impulsionado principalmente pela indústria de varejo. O índice Dow Jones teve alta de aproximadamente 1% em relação ao dia anterior, e o Nasdaq, 1,1%.

LEIA MAIS: Dólar recua contra o real de olho em Fed e BC

As lojas de departamento Target e Lowe’s foram as principais líderes dessa alta. O valor das ações da Target chegaram a subir 17%, entre a manhã de hoje e ontem (20). A empresa também declarou que suas vendas online cresceram 34%, o que mostra que os altos investimentos que a empresa tem feito para se adaptar ao mundo digital vêm funcionando. Já as ações da Lowe’s tiveram alta de 10% de um dia para o outro.

“A narrativa de uma crise iminente tomou conta do mercado”, disse R.J. Grant, diretor da corretora de ações KBW, ao “Wall Street Journal”. “O consumo é mais saudável do que as pessoas pensam.”

A alta de ambos os índices da bolsa é significativa especialmente por conta da queda que o mercado enfrentou no último dia 15 e da incerteza que circunda o mercado, graças à guerra comercial com a China.

Agora, investidores esperam uma resposta do Fed, o Sistema de Reserva Federal dos EUA, que pode baixar suas tarifas ainda mais. As minutas do mês de julho serão anunciadas ainda hoje (21), e o resultado pode também afetar o mercado de ações.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).