Enel adquire 1,48% do capital total da antiga Eletropaulo por R$ 146 mi

Elétrica quer retirar os papeis da distribuidora da B3.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Enel comprou 1,48% do capital da antiga Eletropaulo

Acessibilidade


A Enel informou ontem (21) que adquiriu 2.959.302 ações ordinárias de emissão da antiga Eletropaulo, representativas de 1,48% do seu capital social total, e que remanesceram em circulação 5.174.050 ações ordinárias, ou 2,58% do capital da empresa.

A companhia, que tem como objetivo retirar de negociação na bolsa B3 os papéis da distribuidora após adquirir o controle da elétrica no ano passado, comprou as ações pelo preço unitário de R$ 49,39, totalizando cerca de R$ 146 milhões.

LEIA MAIS: Enel vende usinas de energia renovável por R$ 2,9 bi

Com a oferta pública de aquisição, a Enel visou o cancelamento do registro de companhia aberta da Eletropaulo perante a Comissão de Valores Mobiliários sob a categoria “A” e conversão para a categoria “B”, que não permite a emissão de ações ou títulos conversíveis.

A companhia deve promover, após a liquidação da oferta, o resgate das ações remanescentes, já tendo sido convocada assembleia geral extraordinária de acionistas da Eletropaulo para 26 de novembro, com o objetivo de deliberar sobre o resgate compulsório.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Enel disse que as ações de emissão da companhia continuarão sendo negociadas no segmento especial de listagem da B3 até a aprovação do resgate compulsório ou a conclusão da conversão de registro, o que ocorrer primeiro.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: