Itaú Unibanco compra fatia da Pravaler; transação avalia negócio em R$ 1 bi

Participação do banco na plataforma de financiamento estudantil vai a 37,9% das ações votantes.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Transação avaliou a plataforma online de financiamento estudantil em R$ 1 bilhão

Acessibilidade


O Itaú Unibanco anunciou hoje (27) a compra de participação adicional na Pravaler, em uma transação que avaliou a plataforma online de financiamento estudantil em R$ 1 bilhão.

A aquisição refere-se à venda de fatias detidas no negócio por um fundo gerido pela Victoria Capital Partners e pelo International Finance Corporation (IFC), braço de investimentos do Banco Mundial. Com isso, a participação do Itaú Unibanco na Pravaler, sobe de cerca de 9% para 37,9% das ações votantes.

LEIA MAIS: Itaú Unibanco acelera crédito e lucro cresce 11% no 3º tri

O valor da transação não foi revelado.

O anúncio revela o crescente interesse de grandes bancos brasileiros por negócios de nicho desenvolvidos por plataformas independentes de serviços financeiros, que têm proliferado no Brasil nos últimos anos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Com estruturas mais leves, essas fintechs têm oferecido uma ampla gama de produtos bancários, incluindo crédito, com taxas e tarifas menores do que as das maiores instituições financeiras.

Criado em 2002 como Idealinvest, a Pravaler é especializada no financiamento de cursos superiores para estudantes da rede privada, tendo já emprestado R$ 3 bilhões para cerca de 150 mil pessoas.

Desde que o governo federal reduziu fortemente o orçamento do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), a demanda pelos recursos da Pravaler, a maior do setor, vem acelerando. Isso tem ajudado a garantir um ritmo de expansão anual de 30% nos últimos seis anos.

“Nossa meta é chegar a R$ 10 bilhões emprestados e 1 milhão de alunos atendidos até 2025”, disse à Reuters o presidente do Pravaler, Carlos Furlan.

Mais recentemente, a companhia tem expandido sua atuação para outros nichos, como financiamento de programas de intercâmbio e cursos de ensino à distância (EAD), dentro do plano de quintuplicar de tamanho nos próximos seis anos.

Há duas semanas, o Pravaler anunciou acordo com que renovou por mais 10 anos uma parceria por meio da qual recebe recursos do banco BV (ex-Banco+Votorantim) para financiamento estudantil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: