8 estratégias essenciais para investidores enfrentarem o novo coronavírus

gettyimages-ExtremeMedia
gettyimages-ExtremeMedia

Se precisar comprar nesse contexto conturbada de pandemia, faça isso de maneira disciplinada, com incrementos planejados e constantes

É necessário se atentar a estratégias para investir durante a crise do coronavírus. Algumas medidas talvez não vão ser assimiladas por aqueles que desejam usar o declínio do mercado para “comprar na baixa e vender na alta”, vendo apenas a primeira parte da equação como solução para essa equação. Eles podem se lembrar dolorosamente de quanto deixaram em cima da mesa quando venderam no colapso do mercado de 2008 ou de não ter comprado durante este período ou então, em alguma auto-justificativa para comprar, podem invocar o mantra de Warren Buffett: “Seja ganancioso quando os outros têm medo e tenha medo quando os outros são gananciosos”.

Primeiro, você não é esse investidor. Segundo, Buffett também disse que o que quer que deixe para sua esposa após sua morte, pretende instruí-la a investir no S&P 500. Terceiro, você provavelmente não tem o patrimônio líquido de Warren Buffett, disciplina infalível ou uma lista de ações valiosas com pontos de preço de sinal de compra. Quarto, sempre há outros especialistas em mercado para citar, como o economista John Maynard Keynes, mundialmente conhecido. Durante a Grande Depressão, Keynes observou friamente que “os mercados podem permanecer irracionais por mais tempo do que você e eu posso permanecer em estado de solvência”.

LEIA MAIS: 6 dicas para otimizar reuniões remotas ou presenciais durante a pandemia

Portanto, se precisar comprar nesse contexto, faça isso de maneira disciplinada, com incrementos planejados e constantes. Veja quanto dinheiro é possível arriscar. Atenha-se ao investimento em um índice de mercado de ações todos os dias, em dias alternados, toda semana ou durante o período de tempo que escolher.

Apenas se certifique de permanecer em estado de solvência enquanto esse mercado estiver irracional.

Veja, na galeria de imagens a seguir, 8 estratégias para utilizar durante a volatilidade do mercado de ações causada pela epidemia de coronavírus:

  • 1. Não faça nada

    O valor do seu portfólio já diminuiu. Não converta essas perdas de papel em perdas reais com a venda.

    gettyimages-andresr
  • 2. Pare de checar a sua carteira de ações no telefone, tablet, laptop ou desktop

    Acesse as configurações do seu dispositivo e desative as notificações. É tarde demais para você fazer qualquer coisa. Isso só gera ansiedade –ou pior, faz você querer fazer alguma coisa– o que não é recomendado.

    gettyimages-Westend61
  • 3. Mantenha seu plano de investimento inicial

    Continue investindo como faria normalmente. Se tiver aplicando na poupança da aposentadoria a cada duas semanas ou a cada mês, mantenha a prática.

    gettyimages-ExtremeMedia
  • 4. Espere até que as coisas se acalmem

    Lembre-se de que quando o mercado salta 800, na sequência cai 2.000 pontos e depois reverte e sobe 1.200 pontos ao longo de uma semana ou um dia. A racionalidade deve ser mantida, não aja no calor do momento.

    gettyimages-ImageSource
  • 5. Lute contra o impulso de achar que pode

    Você não pode viver à espera do mercado cair ou qualquer outra reviravolta acontecer para investir.

    gettyimages-Tetraimages
  • 6. Isso também passará

    Os países já passaram por guerras mundiais, inflação de dois dígitos, escassez de gás, recessões, depressões e recuperações. O mercado de ações passou por comícios, correções e quedas. Este é apenas mais um obstáculo.

    gettyimages-RobDaly
  • 7. Se você precisar muito fazer algo, considere isso um momento de aprendizado

    Se possui ações individuais, revise-as em seu portfólio ou peça ao seu consultor para fazer isso.

    gettyimages-bymuratdeniz
  • 8. Separe em quatro caixas

    · Coloque na primeira caixa ações que superaram o desempenho esperado durante a manutenção do mercado no ano passado e agora caíram menos que ele.

    · Na segunda caixa, coloque ações que tiveram um desempenho inferior ao mercado no ano passado e caíram menos que ele durante esse período.

    · Na terceira caixa, ponha as ações que superaram o desempenho esperado durante a manutenção do mercado no ano passado, mas também caíram mais rapidamente do que ele agora.

    · Finalmente, coloque na quarta caixa ações que tiveram um desempenho inferior ao mercado no ano passado e agora caíram mais do que ele.

    Este exercício pode classificar rapidamente seu portfólio quanto ao desempenho e ao risco. Não se apresse. Avalie com calma os papéis que ajudaram, os que prejudicaram, quais ganharam volatilidade e quais reduziram. Ficará surpreso com a objetividade dos resultados. Quando a volatilidade do mercado diminuir e os ânimos se acalmarem, você estará preparado para tomar decisões racionais quanto à composição dos seus investimento e perfil de risco do seu portfólio.

    Se seu consultor não puder fazer esse exercício simples, procure outro. Isso é o básico do gerenciamento de portfólio de investimentos.

    gettyimages-Westend61

1. Não faça nada

O valor do seu portfólio já diminuiu. Não converta essas perdas de papel em perdas reais com a venda.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).