Executivos da JBS acertam pagar R$ 741 mil para encerrar processo na CVM

getty images
getty images

O valor será pago pelo presidente do conselho de administração e pelo diretor de relações com investidores da JBS

Dois executivos da JBS ofereceram pagar R$ 741 mil à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para encerrar processo no qual eram investigados pela não divulgação ao mercado de informações envolvendo transações da processadora de carnes com outras empresas do mesmo grupo de controle.

LEIA MAIS: JBS fecha unidade de suínos nos EUA devido ao coronavírus e reduz oferta no país

Segundo divulgou o regulador do mercado de capitais hoje (13), Jeremiah O’Callaghan, atual presidente do conselho de administração da JBS, ofereceu pagar R$ 546 mil, enquanto Guilherme Cavalcanti, diretor de relações com investidores, vai arcar com R$ 195 mil.

Ambos foram alvos de processo da CVM porque, como responsáveis pela área de relações com investidores no período entre 2016 e 2018, teriam deixado de divulgar comunicados sobre transações entre partes relacionadas celebradas entre a JBS e a Flora Produtos de Higiene e Limpeza, a JBJ Agropecuária e o Banco Original, todos do grupo J&F, informou a autarquia. (com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).