Hypera diz que contratou BR Partners para avaliar venda da marca Xantinon

Yves Herman/Reuters
Yves Herman/Reuters

A farmacêutica disse que a conclusão da compra do portfólio de medicamentos da Takeda depende de aprovação do Cade

A Hyperacomunicou hoje (27) que contratou o banco BR Partners para avaliar alternativas que envolvam a alienação da marca Xantinon, que será de titularidade da companhia com a consumação da aquisição da Takeda.

A farmacêutica disse que a conclusão da compra do portfólio de medicamentos da Takeda Pharmaceutical International no Brasil, anunciada em março, depende de certas condições precedentes, entre elas a aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

LEIA MAIS: Forbes promove primeiro webinar sobre Saúde Mental nas empresas. Participe

“A companhia avalia, em conjunto com seus assessores, potenciais remédios de natureza concorrencial que podem vir a ser exigidos pelo Cade, quando este órgão apreciar a aquisição Takeda”, afirmou em comunicado.

De acordo com a Hypera, a análise que vem sendo realizada com a assessoria da BR Partners é preliminar e está sujeita a diversos fatores, sem qualquer definição de valor para o ativo neste momento.

O comunicado da Hypera foi divulgado após o jornal “Valor Econômico” publicar na edição de hoje que a empresa contratou a BR Partners para vender a marca Xantinon por até R$ 250 milhões. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).