7 famosas que lançaram negócios durante a pandemia

Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

A lista de celebridades que viraram empreendedoras aumenta a cada dia. Em julho passado, por exemplo, Rihanna criou a Fenty Skin

A pandemia de Covid-19 transformou a definição de artista. Os principais lançamentos de filmes foram adiados. As programações de produções cinematográficas foram interrompidas, as turnês de concertos foram canceladas e usar o Zoom da sala de estar passou a ser o novo normal. Em outras palavras, ser uma celebridade não é o que costumava ser.

Esses tempos estranhos obrigaram algumas mulheres famosas a usar suas antigas habilidades, aprender novas e se tornar criativas. Várias delas estão imitando o resto de nós, arranjando outras atividades. Elas estão colocando ideias na prática.

LEIA MAIS: De Rihanna a Cristiano Ronaldo: 9 mansões milionárias alugadas por celebridades para passar a quarentena

Na verdade, a lista de celebridades que viraram empreendedoras aumenta a cada dia. Na última década, os empreendedores se tornarem celebridades, então talvez faça sentido que o contrário também aconteça.

A Sovos ShipCompliant, uma empresa de gerenciamento de compliance e distribuição, relata que o transporte direto ao consumidor cresceu para um valor de US$ 3,2 bilhões em 2019. E ainda mais crescimento é esperado em 2020 por causa da pandemia. Com mais pessoas passando o tempo em casa bebendo, o vinho se tornou um passatempo tão popular que mais celebridades estão lançando seus próprios rótulos. Na verdade, as celebridades gostam de criar seus próprios vinhos porque um rótulo de vinho não exige uma loja física.

Segundo Chris Towt, o fundador da VineSpring, uma plataforma líder de comércio focada em assinaturas para vinícolas, cervejarias e destilarias, a indústria do vinho é um bom negócio para entrar agora porque o transporte direto ao consumidor oferece um modelo de negócios favorável executável durante a pandemia e é legal na maioria dos estados. “A indústria do vinho tem se saído muito bem devido ao relaxamento dos regulamentos estaduais e municipais sobre o recebimento de álcool. Isso demorou anos até mudar”, diz Towt.

Já que as celebridades têm uma base de fãs existente, elas têm uma vantagem de marketing. Veja a seguir algumas mulheres que se aventuraram em uma atividade secundária:

  • Cameron Diaz

    Em julho, Cameron Diaz lançou o rótulo de vinho Avaline, coproduzido com a empresária Katherine Power. Seu branco e rosé são feitos com ingredientes orgânicos. O vinho foi pensado com base na transparência dos ingredientes e Diaz e Power esperam tornar esse conceito uma prática mais comum no mundo do vinho. “Não queremos que você beba nada sem saber o que tem dentro”, explica ela. “Porque isso não é justo e achamos que os clientes merecem algo melhor.”

    Dave Kotinsky/Getty Images
  • Rihanna

    Em julho passado, Rihanna criou a Fenty Skin, uma linha que inclui loção de limpeza, tônico, sérum e hidratante com FPS. A linha vem em embalagens ecologicamente corretas e é comercializada como neutra em termos de gênero.

    Samir Hussein/Getty Images
  • Mary J. Blige

    Em junho, Mary J. Blige se juntou à Fantinel Winery na Itália para produzir seu próprio rótulo, o Sun Goddess. O nome foi tirado de um apelido dado a Blige por sua mãe quando criança. Há um rosé Pinot Grigio Ramato 2019 e um Sauvignon Blanc 2019 custam US$ 20 por garrafa (nos EUA).

    Rodin Eckenroth/Getty Images
  • Kylie Minogue

    A cantora australiana introduziu um rosé em seus vinhos da marca Kylie Minogue em maio. Os vinhos foram lançados em parceria com a Tesco e, segundo comunicado, teriam esgotado três vezes em três meses. Em agosto, ela lançou um segundo vinho, um rosé provençal com a Benchmark Drinks, uma marca com sede no Reino Unido que anteriormente fez parceria com a atriz Sarah Jessica Parker. Por enquanto, os vinhos Kylie Minogue estão disponíveis apenas no Reino Unido, na Irlanda e na Austrália.

    Lia Toby BFC/Getty Images
  • Kate Rockwell

    Sommelier treinada, a estrela de “Meninas Malvadas” está combinando seus talentos em um evento virtual de degustação de vinhos para o novíssimo Broadway Wine Club. O BWC é uma assinatura de entrega em domicílio que apoia artistas da Broadway e aclamadas vinícolas butique. As primeiras remessas de safras especiais exclusivas de vinícolas americanas premiadas serão lançadas em outubro. Cada uma tem uma garrafa colecionável projetada por um artista de teatro.

    Desiree Navarro/Getty Images
  • Alicia Keys

    Alicia Keys assumiu a posição de não usar mais maquiagem. Em agosto, foi noticiado que ela estava criando uma nova marca de beleza, em parceria com a e.l.f. Cosmetics.

    Emma McIntyre/Getty Images
  • Mila Kunis

    Mila Kunis e seu marido, Ashton Kutcher, lançaram o Quarantine Wine, um pinot noir, em parceria com a Nocking Point Wines e a Battle Creek Vineyards. O empreendimento sem fins lucrativos (100% dos lucros das vendas foram doados para instituições de caridade) foi lançado em abril. No verão norte-americano, o vinho estava esgotado.

    Rich Polk/Getty Images

Cameron Diaz

Em julho, Cameron Diaz lançou o rótulo de vinho Avaline, coproduzido com a empresária Katherine Power. Seu branco e rosé são feitos com ingredientes orgânicos. O vinho foi pensado com base na transparência dos ingredientes e Diaz e Power esperam tornar esse conceito uma prática mais comum no mundo do vinho. “Não queremos que você beba nada sem saber o que tem dentro”, explica ela. “Porque isso não é justo e achamos que os clientes merecem algo melhor.”

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).