Mercado Livre abre mais 5 centros logísticos e dobra capacidade no Brasil

Kupicoo/Getty Images
Kupicoo/Getty Images

As novas unidades agregam 340 mil metros quadrados à malha logística do Mercado Envios

O Mercado Livre anunciou hoje (12) a abertura de cinco novos centros logísticos no Brasil, enquanto reforça sua estrutura após um salto do comércio eletrônico no país na esteira da pandemia da Covid-19.

Com a abertura de três novos galpões em São Paulo (dois em Cajamar e um em Guarulhos), um em Governador Celso Ramos (SC) e outro em Extrema (MG), o Mercado Livre dobra sua capacidade logística no país, que responde por mais de metade de suas receitas.

LEIA MAIS: Mercado Livre recebe licença do BC para atuar como instituição financeira

Das cinco novas unidades, que entram em operação entre este mês e o começo de 2021, quatro, serão da modalidade “fulfillment”, com o estoque dos vendedores todo gerenciado pelo Mercado Livre, do armazenamento até a entrega. A empresa prefere centralizar todo o processo para ganhar mais produtividade.

As novas unidades agregam 340 mil metros quadrados à malha logística do Mercado Envios, braço de logístico da empresa, que atingirá mais de 600 mil metros quadrados.

“Isso vai nos ajudar a ampliar o volume de entregas que fazemos em até dois dias no país”, disse o presidente-executivo do Mercado Livre, Marcos Galperin, em entrevista à Reuters. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).