Anec eleva projeção de exportação de soja do Brasil em maio; vê queda de 25,3% ante 2021

SÃO PAULO (Reuters) – As exportações de soja do Brasil devem alcançar 10,6 milhões de toneladas em maio, estimou nesta terça-feira a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), com uma elevação em torno de.

Compartilhe esta publicação:

SÃO PAULO (Reuters) – As exportações de soja do Brasil devem alcançar 10,6 milhões de toneladas em maio, estimou nesta terça-feira a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), com uma elevação em torno de 2,6 milhões ante a projeção da última semana.

Acessibilidade


No entanto, o resultado baseado na programação de navios para embarque ainda representa queda de 25,35% em relação ao mesmo mês de 2021, de acordo com os dados.

Os embarques do Brasil, maior produtor e exportador de soja, começaram o ano mais fortes, mas a partir de março passaram a apresentar recuos, à medida que ficaram mais claras as perdas decorrentes da seca no Sul do país.

Já para o farelo de soja, a projeção semanal passou de 1,679 milhão de toneladas para 1,919 milhão, superando o volume de 1,7 milhão de toneladas exportado pelo país em maio do ano passado.

A Anec também elevou a expectativa de vendas externas de milho para 927.209 toneladas em maio, versus 737.487 toneladas estimados na semana anterior.

A expectativa de exportação de trigo avançou de 69.500 toneladas na semana anterior para 103.719 toneladas.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

No quinto mês do ano passado não foram registrados embarques de milho e de trigo.

(Por Ana Mano e Nayara Figueiredo)

Compartilhe esta publicação: