Exportação de carne de frango sobe 5,7% em abril apesar de recuo da China, diz ABPA

SÃO PAULO (Reuters) – As exportações de carne de frango (considerando produtos in natura e processados) somaram 418,2 mil toneladas em abril, alta de 5,7% ante o mesmo período de 2021, disse nesta quinta-feira a.

Compartilhe esta publicação:

SÃO PAULO (Reuters) – As exportações de carne de frango (considerando produtos in natura e processados) somaram 418,2 mil toneladas em abril, alta de 5,7% ante o mesmo período de 2021, disse nesta quinta-feira a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), com o avanço de demanda em diversos destinos compensando uma redução da China.

Acessibilidade


A receita dos embarques chegou a 821 milhões de dólares, avanço de 34,6% do valor de abril do ano passado.

Já no primeiro quadrimestre de 2022, as vendas alcançaram 1,560 milhão de toneladas, número 9% superior ao mesmo período de 2021.

Os principais destinos das exportações foram a China que, mesmo com queda de 3%, importou 197,1 mil toneladas, seguida dos Emirados Árabes Unidos, com 164,4 mil toneladas, e do Japão com 132,4 mil toneladas.

África do Sul, União Europeia e México também importaram grandes quantidades de frango do Brasil.

“Houve um crescimento generalizado entre os grandes importadores do Oriente Médio, Ásia e Europa, que compensou leves retrações na China e impulsionaram o bom resultado alcançado em abril”, disse o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

(Por Laís Morais)

Compartilhe esta publicação: