Preços do petróleo fecham sem direção comum com preocupações de oferta

Por Laura Sanicola (Reuters) – Os preços do petróleo fecharam mistos nesta quinta-feira, com as preocupações de oferta e a tensão geopolítica na Europa prevalecendo sobre os temores econômicos que perseguem os mercados financeiros à.

Compartilhe esta publicação:

Por Laura Sanicola

Acessibilidade


(Reuters) – Os preços do petróleo fecharam mistos nesta quinta-feira, com as preocupações de oferta e a tensão geopolítica na Europa prevalecendo sobre os temores econômicos que perseguem os mercados financeiros à medida que a inflação dispara.

O petróleo Brent caiu 0,6 dólar para fechar a 107,45 dólares o barril. O petróleo dos EUA subiu 0,42 dólar, ou 0,4%, para fechar a 106,13 dólares.

“O comércio tem sido fraco e ninguém sabe o que vai mover a agulha”, disse John Kilduff, sócio da Again Capital LLC em Nova York.

Uma proibição pendente da União Europeia ao petróleo da Rússia, um importante fornecedor de petróleo e combustíveis para o bloco, deve restringir ainda mais a oferta global.

A UE ainda está acertando detalhes do embargo russo, que precisa de apoio unânime. No entanto, uma votação foi adiada porque a Hungria se opõe à proibição pois seria muito prejudicial para sua economia.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os lockdowns prolongados de Covid-19 no maior importador de petróleo do mundo, a China, também impactaram o mercado.

(Reportagem adicional de Bozorgmehr Sharafedin em Londres, Florence Tan em Cingapura e Stephanie Kelly em Nova York)

Compartilhe esta publicação: