Argentina Bioceres diz que seu trigo transgênico teve aval do FDA, dos EUA

Compartilhe esta publicação:

 

Acessibilidade


BUENOS AIRES (Reuters) – A empresa argentina Bioceres afirmou nesta segunda-feira que o FDA, agência de alimentos e medicamentos dos Estados Unidos, concluiu positivamente uma avaliação de seu trigo HB4 geneticamente modificado resistente à seca, um “passo fundamental” para comercializá-lo no país.

O trigo HB4 ainda precisa de aprovação do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA, na sigla em inglês).

“A FDA concluiu que não tem mais dúvidas sobre a segurança do trigo HB4 e que não levanta questões que exigiriam revisão ou aprovação pré-comercialização pela FDA”, disse a Bioceres em comunicado.

“A conclusão deste programa de consulta voluntária é um passo fundamental para a aprovação comercial nos Estados Unidos.”

O FDA, a Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) e o USDA regulam a maioria dos transgênicos nos Estados Unidos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O FDA avalia a segurança dos alimentos de novos produtos antes de entrarem no mercado, enquanto o USDA garante que as plantas geneticamente modificadas não sejam prejudiciais a outras lavouras.

O FDA e o USDA não responderam imediatamente a um pedido de comentário.

(Reportagem de Jorgelina do Rosario, Caroline Stauffer)

Compartilhe esta publicação: