Cargill planeja fechar fábrica de esmagamento de colza no Reino Unido

Compartilhe esta publicação:

 

Acessibilidade


LONDRES (Reuters) – A Cargill planeja fechar sua unidade de esmagamento de colza em Hull, leste da Inglaterra, disse a trading global de commodities nesta terça-feira.

Traders disseram que uma queda acentuada na produção de colza no Reino Unido durante os últimos anos dificultou a originação local, e tem havido uma crescente dependência de suprimentos importados.

A Cargill também tem uma planta de esmagamento de colza em Liverpool, no noroeste da Inglaterra, enquanto o comerciante de grãos norte-americana Archer-Daniels-Midland opera uma instalação em Erith, no sudeste da Inglaterra.

Muitos agricultores britânicos pararam de cultivar colza devido a problemas com pragas como besouros, após a proibição de uma classe de inseticidas conhecidos como neonicotinóides, que foi imposta para proteger as abelhas.

A área de colza na Grã-Bretanha atingiu o pico de 756 mil hectares em 2012, mas totalizou apenas 306 mil hectares para a safra de 2021, segundo dados do governo.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

(Reportagem de Nigel Hunt)

Compartilhe esta publicação: