5 maneiras de reduzir o estresse do home office e do isolamento social

GettyImages/ Luis Alvarez
É possível ser feliz durante a quarentena, aprenda detalhes que facilitam a sua vida

A nova realidade do isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus teve um grande impacto na maneira como trabalhamos.

Agora, muitas pessoas estão trabalhando em casa, lidando com a realidade de equilibrar as responsabilidades domésticas com as do trabalho e sem ter uma linha separação entre as duas.

LEIA MAIS: CTO da Uber deixa o cargo e empresa considera demissões em massa

Essa combinação de trabalho em casa e distanciamento é a receita perfeita para o estresse, mas existem maneiras de reduzi-lo.

Veja cinco dicas na galeria de imagens a seguir:

  • Afaste-se do que está fazendo

    Afastar-se da tarefa em que está trabalhando é uma das maneiras mais rápidas de reduzir os níveis de estresse. Você não precisa passar muito tempo longe do que está fazendo, apenas alguns minutos podem ajudar. Você simplesmente precisa mudar seu foco para outra coisa. Jogue um jogo rápido no seu telefone, verifique as mídias sociais ou assista a 15 minutos de um programa de TV ou filme e tente voltar ao trabalho.

  • Mova-se

    O movimento é um ótimo antídoto para o estresse, e você sempre deve incorporar intervalos curtos para se movimentar em seu dia de trabalho. Apenas cinco minutos de exercício podem ser suficientes para reduzir sentimentos de estresse e frustração. Ande um pouco pela casa, faça uma rotina de ioga de dez minutos, dance ou levante pesos, tudo funciona. A chave é apenas se mover. O movimento não apenas ajuda a reduzir o estresse, como também ajuda a evitar rigidez, dores de cabeça e fadiga ocular, garantindo que você se afaste da tela por pelo menos um pouco de tempo por dia.

  • Mude o seu entorno

    No período de distanciamento social, você nem sempre pode sair de casa para aliviar o estresse, mas pode mudar o ambiente. Se sair não for uma opção viável, vá para uma sala diferente. A mudança no ambiente ajudará você a se concentrar em algo diferente.

    Se você puder, saia para tomar um ar fresco ou passear. Sente-se perto de uma janela aberta se não tiver espaço ao ar livre. Certifique-se de manter um distanciamento adequado dos outros para evitar a propagação do coronavírus e para não adicionar mais estresse ao se preocupar com alguém tossindo perto de você.

  • Ligue para um(a) amigo(a)

    Às vezes, o melhor antídoto para o estresse é simplesmente conversar com um amigo. Praticar o auto-isolamento ou a quarentena é benéfico para impedir a disseminação da Covid-19, mas não é tão bom para a saúde mental. Auto-isolamento significa que temos menos contato com as pessoas do que normalmente teríamos, e isso por si só pode ser uma causa de estresse. Pegue o telefone e ligue ou converse por vídeo com alguém. Nesse caso, enviar mensagens de texto não é suficiente e não é tão eficaz na redução do estresse.

  • Seja compassivo consigo mesmo

    Como vivemos tempos estranhos, é mais importante do que nunca ser compassivo consigo mesmo. Você não precisa ser produtivo 100% do tempo. Alguns dias, apenas fazer o mínimo necessário é tudo o que você consegue, e tudo bem. Permita-se sentir o estresse, mas não que ele o consuma. Diga a si mesmo que isso passará e você é forte o suficiente para passar por isso. Quanto mais estressado você estiver se sentindo, mais importante é se lembrar disso.

Afaste-se do que está fazendo

Afastar-se da tarefa em que está trabalhando é uma das maneiras mais rápidas de reduzir os níveis de estresse. Você não precisa passar muito tempo longe do que está fazendo, apenas alguns minutos podem ajudar. Você simplesmente precisa mudar seu foco para outra coisa. Jogue um jogo rápido no seu telefone, verifique as mídias sociais ou assista a 15 minutos de um programa de TV ou filme e tente voltar ao trabalho.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).