12 coisas que mulheres emocionalmente fortes não fazem

As pressões culturais, as expectativas da sociedade e as diferenças sutis na maneira como as meninas são criadas em relação aos meninos são apenas alguns dos fatores que estimulam as mulheres a terem hábitos não muito saudáveis que comprometem a saúde mental e emocional.

LEIA TAMBÉM: 5 previsões para as mulheres no trabalho em 2019

Reconhecer esses hábitos é o primeiro passo para uma mudança positiva. Quando as pessoas desistem de coisas que as deixam para baixo, coisas boas começam a surgir.

Veja, na galeria de fotos a seguir, 12 coisas que mulheres emocionalmente fortes não fazem:

  • 1. Elas não se comparam a outras pessoas

    Comparar-se com outras pessoas é como confrontar maçãs e laranjas. Você não ganha nada medindo sua felicidade, riqueza e aparência com as de outras pessoas. A única pessoa com a qual você deve se comparar é o seu eu de ontem, procurando sempre evoluir.

  • 2. Elas não insistem na perfeição

    O perfeccionismo é irônico, e faz com que as pessoas acabem tendo um desempenho pior. O medo de não ser bom o suficiente e a pressão para não cometer um erro podem estragar tudo. Estabeleça grandes expectativas para si mesmo, mas não se menospreze, afinal, em grande parte dos casos, os resultados são graduais.

  • 3. Elas não vêem a vulnerabilidade como uma fraqueza

    Embora pedir ajuda ou admitir que você está com dificuldades seja visto, às vezes, como uma fraqueza, a vulnerabilidade é, na verdade, uma força. Afinal, é preciso coragem para se colocar em uma posição na qual você se arrisque. Mas ser vulnerável é fundamental para formar bons relacionamentos.

  • 4. Elas não deixam as dúvidas as impedirem de conquistar seus objetivos

    Não podemos deixar a dúvida atingir nossos objetivos. Nosso cérebro pode duvidar de nossa competência, mas não podemos acreditar em tudo aquilo que pensamos. A dúvida pode nos incentivar, mas é preciso estar disposto a avançar e progredir, mesmo quando a confiança não é tão grande assim.

  • 5. Elas não pensam demais

    Pensar demais não é sinônimo de resolver problemas. Isso envolve refazer coisas que já ficaram no passado ou até mesmo “destruir” o futuro. Procurar soluções é mais adequado do que pensar demais. Comprometa-se com a solução de problemas e a produção.

  • 6. Elas não fogem dos desafios

    Seja uma nova oportunidade no trabalho ou até mesmo uma conversa sobre um assunto delicado com alguém, evitar desafios mantém as pessoas presas. Desafie-se a crescer um pouco a cada dia, e você terá a confiança necessária para enfrentar os estímulos e obstáculos que estão por vir.

  • 7. Elas não têm medo de quebrar as regras

    As meninas são criadas para serem educadas e formais. Mas, muitas vezes, são as infrações das regras que mudam o mundo. Seja uma regra não escrita ou uma oficial que a está prendendo, lembre que transpor algumas delas pode ser a chave para ajudá-la a se libertar.

  • 8. Elas não diminuem os outros para se sentirem superiores

    Tentar subir a sua hierarquia social colocando os outros para baixo pode ser tentador. Mas ninguém cresce apontando as falhas de outras pessoas. Líderes genuínos atraem o suporte e a positividade necessária para o sucesso.

  • 9. Elas não permitem que seu potencial seja limitado
    Não deixe que a rejeição e as críticas a impeçam de crescer. Aprenda a acreditar em si mesma e você sofrerá menos os efeitos das opiniões alheias.

  • 10. Se algo der errado, elas não se culpam

    Ao mesmo tempo em que é importante aceitar a responsabilidade sobre o seu comportamento, culpar-se demais é um tiro pela culatra. Entender que fez uma escolha ruim em vez de se classificar como uma pessoa ruim é a chave para fazer melhor no futuro.

  • 11. Elas não se calam

    De reuniões de negócios a eventos sociais, estudos mostram que as mulheres não recebem a mesma atenção que os homens. E não é provável que os homens falem menos ou sejam melhores líderes. Por isso, é importante falar e encontrar a sua verdadeira voz.

  • 12. Elas não têm medo do sucesso

    Muitas mulheres acham que elogios, às vezes, as diminuem. Elas entendem a necessidade de ouvir coisas boas sobre o seu trabalho como uma maneira de ocultar o sentimento de que não são dignas do sucesso que alcançaram. Mas não há problema em ter sucesso. Reconhecer o esforço não torna ninguém arrogante.

1. Elas não se comparam a outras pessoas

Comparar-se com outras pessoas é como confrontar maçãs e laranjas. Você não ganha nada medindo sua felicidade, riqueza e aparência com as de outras pessoas. A única pessoa com a qual você deve se comparar é o seu eu de ontem, procurando sempre evoluir.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).