Bolsa deve operar com foco em Davos

Fórum Econômico deve atrair a atenção de investidores com discurso de Paulo Guedes. Mercado fechado nos EUA hoje (20), pelo feriado de Martin Luther King.

Forbes Daily, por Luciene Miranda
Compartilhe esta publicação:
Reuters
Reuters

Ministro da Economia, Paulo Guedes, representará o Brasil em Davos

Acessibilidade


Nesta semana de agenda econômica não tão carregada como na anterior, os investidores estarão de olho no noticiário para tomar decisões no mercado de ações.

Hoje (20), começa o Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça, que segue até sexta-feira. Lá, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, terá a missão de convencer o mundo sobre os avanços do país para o crescimento econômico sustentado.

LEIA TAMBÉM: Ibovespa amplia ganhos no fechamento

Além do desgaste internacional já enfrentado diante das políticas ambientais para o Brasil, desta vez, o recente discurso de inspiração nazista do ex-secretário especial da Cultura, Roberto Alvim, deve impactar no diálogo de Guedes com lideranças de outras nações.

No Brasil e no mundo, os negócios de hoje devem ter volume mais baixo que o normal por conta do feriado nos Estados Unidos, dia de Martin Luther King, quando as bolsas norte-americanas não operam.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Na Ásia, a maioria dos índices fechou com alta, exceto Hang Seng (Hong Kong) com baixa de 0,90% aos 28.795 pontos. Nikkei (Japão) subiu 0,18% aos 24.083 pontos e Kospi (Coreia) recuou 0,54% aos 2.262 pontos. Na Europa, os índices seguem com tendências mistas.

Ao longo da semana, sem data definida, aqui no Brasil, haverá a divulgação dos dados de mercado de trabalho do CAGED e de arrecadação federal. Na quinta-feira (23), anúncio da inflação medida pelo IPCA-15.

****

Luciene Miranda é jornalista especializada em Economia, Finanças e Negócios com coberturas independentes na B3, NYSE, Nasdaq e CBOT

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: