Petrobras Distribuidora capta R$ 3,5 bilhões para esticar prazos de dívidas

Sergio Moraes - REUTERS
Sergio Moraes - REUTERS

Estatal capta recursos no mercado e alonga prazo de dívidas para 4 anos

A Petrobras Distribuidora anunciou a captação de R$ 3,5 bilhões junto a instituições financeiras com o objetivo de aumentar o prazo para o pagamento de dívidas, segundo fato relevante publicado na manhã de hoje (4). De acordo com a companhia, a estratégia levou em consideração compromissos financeiros com aproximadamente o mesmo valor e prazo para pagamento em 15 de abril.

Os recursos foram obtidos junto ao Itaú Unibanco, Citibank, JP Morgan Chase, The Bank of Nova Scotia e Banco MUFG Brasil com instrumentos financeiros diferentes: notas de crédito à exportação e empréstimos diretos externos, em moeda estrangeira. A companhia também conseguiu aditamento e prorrogação de parte das debentures com vencimento em abril deste ano.

LEIA TAMBÉM: BRF revisa alavancagem de 2020 com coronavírus

Segundo a empresa, as operações em moeda estrangeira foram “protegidas” em valor e vencimentos com operações de hedge, ou seja, instrumentos financeiros no mercado futuro que controlam os riscos de variações bruscas no mercado. O custo médio das operações pós-swap (troca de taxa de variação cambial por taxa de juros pós-fixados) foi de CDI + 0,78% ao ano.

O prazo médio das novas operações é de 4 anos. Ainda de acordo com a Petrobras, dentro desta estratégia de refinanciamento, a captação anunciada possibilitará o alongamento do prazo médio da dívida da companhia que, atualmente, está em 1 ano, para 3,4 anos.

****

Luciene Miranda é jornalista especializada em Economia, Finanças e Negócios com coberturas independentes na B3, NYSE, Nasdaq e CBOT

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).