Príncipe Albert de Mônaco tem teste positivo para novo coronavírus

Segundo gabinete, não há motivo para preocupação

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Divulgação

Príncipe Albert de Mônaco

Acessibilidade


O príncipe Albert de Mônaco testou positivo para o coronavírus, mas sua saúde não é motivo de preocupação, informou hoje (19) seu gabinete.

“O príncipe Albert continua a trabalhar de seu escritório em seu apartamento particular”, disse o gabinete em nota.

VEJA TAMBÉM: Google estuda usar informação de localização de usuários para desacelerar coronavírus

Segundo o comunicado, o príncipe Albert está em contato constante com membros de seu gabinete, do governo e de sua equipe mais próxima.

Filho do falecido príncipe Rainier III e da atriz Grace Kelly, o príncipe, de 62 anos, é o chefe da centenária Casa de Grimaldi.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Ele assumiu o trono em 2005 e se casou com a ex-campeã nacional de natação da África do Sul Charlene Wittstock em 2011. Eles têm um casal de filhos nascidos em 2014.

VEJA TAMBÉM: Laércio Albuquerque, da Cisco, fala sobre trabalho remoto em tempos de coronavírus

O principal negociador da União Europeia para o Brexit, Michel Barnier, também disse nesta quinta-feira que havia testado positivo para o coronavírus.

O ator vencedor do Oscar Tom Hanks e sua esposa, a atriz Rita Wilson, e a esposa do primeiro-ministro do Canadá Justin Trudeau, Sophie, também estão entre as figuras públicas que foram diagnosticadas positivamente com o vírus.

O vírus da Covid-19 infectou quase 219 mil pessoas pelo mundo todo e o número de mortos já passou de 8.900.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: