Montanha suíça ganha projeção da bandeira brasileira

Henry-Maurer
Henry-Maurer

A mensagem da montanha é muito clara: a sociedade deve se manter tão forte quanto ela no momento atual

O Matterhorn ou Monte Cervino é, talvez, a montanha mais conhecida dos Alpes suíços, um símbolo de força e estabilidade para o país europeu. A “montanha das montanhas” fica localizada na fronteira da Suíça com a Itália, e domina boa parte da cidade suíça de Zermatt.

E, para os moradores da região, a mensagem da montanha é muito clara: a sociedade deve se manter tão forte quanto ela no momento atual, permanecendo unida até que a tempestade vá embora. Para reforçar essa mensagem de esperança, o país está iluminando a montanha diariamente desde 24 de março – quando as condições climáticas permitem.

LEIA MAIS: Sino de Notre-Dame romperá silêncio do isolamento no aniversário do incêndio

Na noite de ontem (21), entre 21h30 e 22h – horário de Brasília -, o espetáculo foi dedicado aos brasileiros: a bandeira verde e amarela foi projetada no Matterhorn, ganhando mais de 1.000 metros.

O responsável por tornar o projeto possível é o artista suíço Gerry Hofstetter, que, desde 1999, transforma edifícios, monumentos, paisagens e montanhas em objetos de arte temporários em todo o mundo.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).