Doria diz que quarentena será prorrogada em SP, mas será heterogênea

Segundo governador, será levada em conta a regionalização do Estado no interior, capital, região metropolitana e litoral.

Redação
Compartilhe esta publicação:
ReutersAmanda-Perobelli
ReutersAmanda-Perobelli

O governador afirmou que os detalhes da nova quarentena serão anunciados em entrevista coletiva na quarta-feira (27)

Acessibilidade


O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse hoje (25), em entrevista à GloboNews, que a atual quarentena adotada em São Paulo para conter a disseminação do novo coronavírus, que vence no domingo (31), será prorrogada, mas que dessa vez as medidas restritivas serão heterogêneas e levarão em conta a situação em cada região do Estado.

“Nós teremos uma nova quarentena. Não é imaginável que possamos não ter uma nova quarentena a partir de 1º de junho, mas será uma quarentena inteligente. Inteligente por quê? Porque vai levar em conta toda a regionalização do Estado de São Paulo no interior, na capital, na região metropolitana, no litoral. A decisão não será homogênea”, disse Doria na entrevista.

LEIA MAIS: Brasil alcança 22.666 mortes por Covid-19

O governador afirmou que os detalhes da nova quarentena serão anunciados em entrevista coletiva na quarta-feira (27). Ele afirmou ainda que “neste exato momento” não há previsão da adoção do lockdown em nenhum município paulista, mas voltou a dizer que o protocolo para eventual uso desta medida está pronto e será usado se houver necessidade. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: