Tom Cruise, Nasa e Elon Musk se preparam para gravar um filme no espaço

James-Devaney_Getty-Images
O filme gravado no Espaço não fará parte da famosa franquia de Tom Cruise “Missão Impossível”

Tom Cruise está nos estágios iniciais de desenvolvimento com a SpaceX e a NASA para se tornar o primeiro ator a estrelar um filme de ação e aventura filmado no espaço.

Segundo o site de notícias de Hollywood “Deadline”, o filme não fará parte da franquia “Missão Impossível”, em que Cruise realizou uma série de acrobacias envolvendo gravidade, incluindo se pendurar um avião a jato durante a decolagem no filme “Missão Impossível: Nação Secreta”, e mais recentemente pulando de um helicóptero em “Missão Impossível: Efeito Fallout”.

LEIA MAIS: Nasce o primeiro filho de Elon Musk com a artista Grimes

A existência do projeto foi confirmada pelo administrador da Nasa Jim Bridenstine em um tuíte que especifica que o projeto seria potencialmente filmado na Estação Espacial Internacional. Situada a mais de 400 quilômetros acima da Terra, a estação espacial realiza pesquisas e uma série de experiências de ponta.

Os problemas em potencial estão nos detalhes. Se Tom Cruise for ao espaço, é esperado que ele receba treinamento completo para se tornar um astronauta, o que não é tarefa fácil. Após provas, exames médicos etc., o processo de avaliação real leva aproximadamente dois anos.

Embora isso não seja tão demorado em termos de preparação para um filme, Tom Cruise tem 57 anos, e apesar de aparentemente estar em grande forma, a tarefa de se preparar para o espaço será assustadora –pelo menos na teoria. John Glenn é o astronauta mais velho a ir ao espaço aos 77 anos de idade, mas isso foi depois de uma carreira estelar nas forças armadas e de muitos anos de treinamento extensivo em vôos espaciais.

Com Elon Musk falando bastante sobre seu conceito de comercializar voos espaciais, será interessante ver quais etapas o ator deve tomar para se qualificar e, portanto, viabilizar o voo espacial para uma pessoa comum.

Como será o treinamento

Fora aprender a voar, é de se imaginar que o elemento físico do treinamento de astronautas pela Nasa seria obrigatório para um visitante espacial.

Um trecho do site oficial da agência espacial afirma o seguinte em relação à seleção e treinamento: “Como parte do programa de treinamento de candidatos a astronautas, os candidatos são obrigados a concluir a sobrevivência militar na água antes de iniciar seu plano de estudos de voo e se tornarem mergulhadores qualificados para prepará-los para o treinamento em caminhadas espaciais”.

Continua: “Consequentemente, todos os candidatos a astronauta são obrigados a passar em um teste de natação durante o primeiro mês de treinamento. Eles devem nadar três comprimentos de uma piscina de 25 metros sem parar e depois nadar três comprimentos da mesma piscina piscina em trajes de voo e tênis, sem limite de tempo. Eles também devem caminhar na água continuamente por 10 minutos vestindo uma roupa de voo.

“Os candidatos também estão expostos aos problemas associados às pressões atmosféricas altas (hiperbáricas) e baixas (hipobáricas) nas câmaras de altitude, e aprendem a lidar com emergências associadas a essas condições.

“Além disso, os candidatos a astronauta são expostos à microgravidade do voo espacial durante os voos em um avião a jato modificado, que realiza manobras parabólicas que produzem períodos de ausência de peso por cerca de 20 segundos. A aeronave retorna à altitude original e a sequência é repetida até 40 vezes em um dia. A seleção final ependerá da conclusão satisfatória do período de treinamento e avaliação.”

VEJA TAMBÉM: SpaceX vai levantar US$ 250 mi em rodada de investimento

Provavelmente, várias dessas medidas deverão ser cumpridas para fins de saúde e segurança e para maximizar as chances de sucesso da produção. Além do treinamento, há também a questão das filmagens reais. Será necessário que uma equipe também vá para o espaço? Haverá um equipamento de filmagem instalado na estação espacial se a tripulação estiver ausente? Quais parâmetros de saúde e segurança deverão ser seguidos para não colocar em risco os astronautas reais? O projeto pode ficar bom sem um ambiente completamente controlado? Para um filme tão ambicioso, certamente haverá vários obstáculos a serem superados.

A exposição para a indústria do espaço também será importante para a Nasa e a SpaceX. O projeto, em geral, seria monumental se bem-sucedido e consolidaria o nome de Cruise nos livros de história.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).