Terapia com florais baseada em mapa astral pode ajudar saúde mental e bem-estar na quarentena

Luciana Prezia
Vivian Frida Lustig é especializada na terapia dos florais alquímicos

Alquimista contemporânea é como Vivian Frida Lustig se define ao falar da atividade que exerce profissionalmente há 26 anos. Especializada na terapia dos florais alquímicos, ela diz que assim como os antigos alquimistas buscavam obter ouro através do chumbo, sua missão é propor a seus clientes uma viagem de autoconhecimento rumo à sabedoria. E garante: “Essa terapia de florais realmente resolve”. Ah, ela também gosta de se definir como “um pouco bruxa” e se diverte muito com isso.

A partir do mapa astral alquímico de cada pessoa – prepare-se para descobrir um signo diferente do zodíaco tradicional – ela começa um trabalho individual, pessoal e intransferível. “O mapa é meu raio-X e o objetivo é limpar condicionamentos e superar traumas, tudo que nos impede de ver a luz”, explica.

Vivian descobriu seu propósito de vida quando decidiu, muito jovem, estudar em Boston, nos Estados Unidos. Combinou com o pai que iria cursar design, mas fez faculdade de Naturopatia, a farmácia voltada para as substâncias das plantas. Na sequência, experimentou as terapias alternativas conhecidas de todos. Além da homeopatia e da fitoterapia, também experimentou os florais de Bach e acabou se encontrando nos alquímicos, que estudou profundamente.

“Comecei a notar as mudanças na minha própria vida. Eu era muito perfeccionista e controladora, tinha que organizar tudo e monitorar a vida dos meus pais e dos meus irmãos”, lembra. “Hoje consigo entender e aceitar que meu marido não seja tão organizado quanto eu espero e ligo para meus pais e meus irmãos para a gente comer um pizza juntos e não para saber o que cada está fazendo”.

Desde então assumiu que seu propósito na vida “é a cura”, mas avisa que de nada adianta querer mudar sem praticar a mudança no dia a dia. “A viagem de autoconhecimento é cheia de aventuras”, deixa bem claro. Quando o combo pandemia + quarentena + distanciamento social entrou em cena, Vivian viu o número de consultas aumentar: “Eu não diria que a crise trouxe mais ansiedade e insegurança. Acho que isso era algo que já estava dentro das pessoas e foi só uma questão de vir à tona”, observa.

E são pessoas de todas idades, afinal o processo de autoconhecimento segue pela vida inteira. No momento, Vivian vê uma tendência generalizada ao desânimo e ao cansaço, ao mesmo tempo – porque tudo tem dois lados – está no ar uma grande vontade de dizer “Basta!”, as pessoas não querem saber das mesmas coisas. Por isso, se fosse criar um floral alquímico para equilibrar forças em curso, Vivian cita três ingredientes: Espinheira Santa (discernimento), Aguapé (inspiração) e Rosas (amor universal).

“Amor é o ingrediente mágico para qualquer situação”, afirma. Também destaca que, na astrologia, 2020 é regido pelo Sol. Por isso estamos nos surpreendendo com coisas jamais vistas e outras revelações no nível pessoal e planetário. “É esse o momento para iluminar o nosso caminho e o dos outros”, conclui. Lembrando que “mudar é praticar”.

Donata Meirelles é consultora de estilo e atua há 30 anos no mundo da moda e do lifestyle

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião de Forbes Brasil e de seus editores.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).