Escritor espanhol Carlos Ruiz Zafon morre aos 55 anos

Editora Planeta confirmou a morte do autor de “A Sombra do Vento” em decorrência de um câncer.

Blog da Redação
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

Nascido no ano de 1964, em Barcelona, Zafón passou a dedicar-se integralmente à escrita a partir dos anos 1990

Acessibilidade


O escritor espanhol Carlos Ruiz Zafón, autor de “A Sombra do Vento”, faleceu hoje (19), em sua casa em Los Angeles, Estados Unidos, em decorrência de um câncer. Em comunicado, a editora Planeta, responsável pela publicação da obra comentou: “um dos melhores romancistas contemporâneos nos deixou, mas continuará vivo entre nó por meio de seus livros”.

Nascido no ano de 1964, em Barcelona, Zafón passou a dedicar-se integralmente à escrita a partir dos anos 1990. Sua obra de estreia “O Príncipe da Névoa”, de 1993, foi considerado um dos seus melhores romances juvenis.

VEJA TAMBÉM: Empresário Nevaldo Rocha, da Riachuelo, morre aos 91 anos

Depois de Cervantes, Zafón é o escritor espanhol mais lido de todos os tempos. Sua obra de maior destaque, “A Sombra do Vento”, a primeira parte de uma saga de 4 livros, foi traduzida para mais de 40 idiomas e vendeu mais de 15 milhões de exemplares.

“A Sombra do Vento” foi selecionado em 2014 pela editora britânica Penguin Classics como um dos 26 “clássicos da literatura universal”.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Zafón foi um dos escritores de língua espanhola mais bem-sucedidos, comparado por críticos a Charles Dickens por seu estilo de escrita gótico e denso.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo: .

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: