BREAKING: Creditas estreia loja online com celulares Apple

Getty Images
Getty Images

Primeiros produtos nas prateleiras virtuais da Creditas Store serão os celulares da Apple[

A fintech Creditas está se preparando para fazer o lançamento oficial de sua loja online amanhã (5) e os primeiros produtos nas prateleiras virtuais serão os celulares da Apple.

A Creditas Store estará disponível para colaboradores CLT de empresas que possuem parceria com a oferta de crédito consignado privado da startup, e para empresas que fecharem parcerias futuras.

Para a compra dos celulares da Apple, disponíveis na plataforma da versão 8 até a 11, são oferecidas duas opções. Na primeira modalidade de financiamento, será possível comprar um iPhone em 24 parcelas.

Por exemplo, um iPhone 11 de 64GB – que na loja oficial da fabricante sai por R$ 4.999 – pode ser comprado na Creditas Store por 24 pagamentos de R$ 208,29 (a taxa de juros é de 1,16% ao mês), a serem descontados mensalmente na folha de pagamento do colaborador.

Na outra modalidade, usuários poderão comprar os celulares com a opção de upgrade, e um gasto mensal menor. No mesmo exemplo do iPhone 11 64GB, o consumidor poderá adquirir o aparelho por 24 pagamentos de R$ 145,80.

Depois de quitar todas as parcelas, o consumidor terá que devolver o aparelho em boas condições para receber um modelo novo e entrar num novo ciclo de financiamento através da plataforma da Creditas, também em 24 vezes.

Em sua loja oficial, a Apple parcela seus produtos em até 12 vezes no cartão de crédito, ou à vista, com 10% de desconto.

Segundo fontes próximas da empresa, a plataforma foi lançada internamente em dezembro para que os próprios funcionários pudessem testar a compra. O desenvolvimento da loja é conduzido por equipes no centro de desenvolvimento da fintech em Valencia, na Espanha.

O desenvolvimento da Creditas Store, que naquela época era chamada pela empresa de marketplace, foi antecipado pela FORBES em setembro de 2019.

Além dos celulares, a ideia da empresa é ofertar produtos e serviços que incluirão eletrônicos, eletrodomésticos de linha branca, produtos de educação, como graduações e programas de MBA no exterior, bem como viagens.

LEIA MAIS: Creditas prepara marketplace e lança oferta de reformas

****

Divulgação

Solinftec recebe aporte da família Trajano

A Unbox Capital, empresa de investimento ancorada pela família Trajano, do Magazine Luiza, é o mais novo investidor da agrotech Solinftec, liderando uma rodada Série B de US$ 40 milhões. A empresa de Araçatuba (SP) desenvolve tecnologia que propõe otimizar processos agrícolas em tempo real, trazendo redução de custos, eficiência e produtividade. A plataforma de inteligência artificial da startup, ALICE, é alimentada diariamente com informações de 35 mil equipamentos agrícolas conectados e 120 mil usuários, que interagem com o sistema por meio de tablets, computadores e celulares.

Liderada por Rodrigo Iafelice dos Santos, a Solinftec passa por um momento de aceleração de crescimento e capitalização. Em janeiro deste ano, a empresa captou R$ 80 milhões em CRA – Certificado de Recebíveis do Agronegócio, em operação estruturada e liderada pelo Itaú BBA e Gaia Securitizadora. Os objetivos que a empresa pretende alcançar com a rodada recente da Unbox e com a operação do mês passado incluem o desenvolvimento de novos projetos e a expansão geográfica, ampliando a presença internacional da startup, que já tem escritórios nos Estados Unidos e Colômbia, e opera países como Peru, Nicarágua e Guatemala.

***
Divulgação

Flores Online prepara internacionalização e planeja aportes

O e-commerce de flores brasileiro Flores Online está avançando seus planos de expansão para outros países e planeja novos aportes 2020. A empresa, que relata ter atingido um crescimento em vendas de 30% em 2019 com faturamento de R$ 32 milhões, está se preparando para a internacionalização, com a tradução do site para diversos idiomas e localização do atendimento, bem como meios de pagamento.

A ideia é expandir o modelo de entrega via parcerias com floriculturas locais para outros países. “Isso nos permite romper as fronteiras geográficas assim como outros varejistas e plataformas de serviços, como Amazon, Aliexpress, Airbnb e Uber”, aponta o CEO da empresa, Luiz Torres. Entre as metas mencionadas pelo executivo para este ano, estão o reforço em investimentos nas áreas de tecnologia e logística, bem como marca e canais de vendas. “Temos suporte do [fundo de venture capital] X8 Investimentos, podendo capitalizar novos aportes para 2020″, pontua.

***
Divulgação

iFood traz ex-Kraft Heinz para liderar área de pessoas

O iFood fez Luis Gustavo Vitti, que liderava a área de pessoas e performance na gigante de alimentos Kraft Heinz, desistir da vida em Singapura e voltar para o Brasil, precisamente para Osasco (SP), onde fica a sede da empresa. É de lá que Vitti vai liderar a área de recursos humanos, sob o título de vice-presidente de people.

O novo executivo diz que a rápida expansão da foodtech, bem como a brasilidade da empresa, foram fatores determinantes na mudança de ares. “Os quatro elementos que me trouxeram para o iFood foram: propósito, cultura, tecnologia e origem brasileira. Totalmente fora da minha zona de conforto”, conta. “Agora, quero aprender e construir com uma empresa de tecnologia com crescimento exponencial.”

Vitti responderá diretamente a Fabrício Bloisi, CEO do iFood. Alguns dos desafios de Vitti na empresa, que emprega mais de 2.500 pessoas baseadas em Osasco, Jundiaí e Campinas, serão relacionados à atração e retenção de talentos, bem como cultura e a diversidade. Em entrevista recente à FORBES, Bloisi relatou a complexidade na comunicação interna entre a chefia e os funcionários à medida em que a empresa cresce, bem como a falta de negros e mulheres na liderança.

***
Getty Images

Cognizant lança programa de aprendizes para mulheres

A empresa de serviços de TI Cognizant lançou um programa de aprendizes focado em mulheres, com 40 vagas que podem levar a posições permanentes em cargos de tecnologia. A iniciativa tem o objetivo de “estimular, treinar e capacitar” mulheres que estão cursando ou terminaram o ensino médio a atuar na área de tecnologia da informação. A empresa quer que as jovens participantes do programa “se apaixonem por tecnologia” durante o programa de 18 meses, que terá uma jornada diária de seis horas, de segunda a sexta-feira. As selecionadas poderão trabalhar nas áreas de negócios digitais, suporte, operações e corporativa da empresa, com a possibilidade de efetivação.

Além de um salário, cujo valor não foi divulgado, a Cognizant vai oferecer vale-refeição, vale-transporte e convênio médico às jovens selecionadas. Mulheres entre 17 e 21 anos que estejam cursando o último ano do ensino médio ou já tenham concluído os estudos podem se inscrever até 21 de fevereiro. Além de noções básicas da suíte Office, vontade de aprender e comprometimento, a empresa não exige experiência anterior.

***

FGV participa de competição nos Estados Unidos

A Fundação Getulio Vargas é a única universidade latina a participar do Venture Capital Investment Competition, programa de educação empresarial desenvolvido e coordenado pela Kenan-Flagler Business School da Universidade da Carolina do Norte. Três alunos do curso de MBA em Private Equity, Venture Capital e Investimentos em Startups da FGV participarão da competição, que reúne 80 universidades, 1.500 alunos, 150 investidores e 100 empreendedores, no dia 7 de fevereiro. O projeto é apoiado pelos fundos brasileiros Ipanema Ventures e Turim Family Office.

Angelica Mari é jornalista especializada em inovação há 18 anos, com uma década de experiência em redações no Reino Unido e Estados Unidos. Colabora em inglês e português para publicações incluindo a FORBES (Estados Unidos e Brasil), BBC, The Guardian e outros.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).