A semana dos bilionários: Jeff Bezos ganha mais de US$ 10 bilhões após deixar cargo de CEO na Amazon

Alex Wong / Getty Images
Alex Wong / Getty Images

A alta na fortuna de Bezos está relacionada com o crescimento de 5,9% nas ações da Amazon nesta semana, após anúncio do Departamento de Defesa dos Estados Unidos sobre encerramento de contrato com a Microsoft.

O patrimônio de algumas das pessoas mais ricas do mundo enfrentou mudanças nesta semana. A fortuna de Jeff Bezos, por exemplo, que deixou o cargo de CEO da Amazon na última segunda-feira (5), está segura com seu sucessor Andy Jassy no comando.

As ações da Amazon subiram 5,9% nesta primeira semana sem Bezos, atingindo novos recordes e impulsionando a fortuna do antigo CEO em US$ 10,6 bilhões, para uma estimativa de US$ 212,4 bilhões. Este valor ultrapassa os ganhos de 0,4% no índice S&P 500 e de 0,2% no Dow Jones Industrial Average, registrados durante a semana de negociações encurtada por conta do feriado norte-americano de 4 de julho.

LEIA MAIS: Os bilionários brasileiros que mais ganharam – e perderam – nos últimos meses

A alta nas ações da Amazon provavelmente teve mais a ver com o anúncio do Departamento de Defesa na terça-feira (6) do que com a transição de seu CEO. O departamento anunciou que estava cancelando o contrato de nuvem de US$ 10 bilhões da Joint Enterprise Defense Infrastructure (JEDI), que em 2019 foi concedido à Microsoft.

Após essa decisão, a Amazon entrou com um processo alegando que Donald Trump aplicou pressão indevida para esnobar a empresa. O ex-presidente tem um longo histórico de ataques verbais contra Bezos, que também é dono do “The Washington Post”.

Com uma nova administração na Casa Branca, o Pentágono recuou e disse em um comunicado à imprensa que está novamente solicitando uma proposta para a Amazon e para a Microsoft, já que o contrato JEDI existente não está mais atendendo às suas necessidades. As ações da Amazon subiram 4,7% com as notícias de terça-feira (6), após o longo fim de semana.

Os últimos dias também deixaram a ex-mulher de Bezos, MacKenzie Scott, mais rica, elevando seu patrimônio líquido em US$ 3,5 bilhões, para um valor estimado de US$ 62,5 bilhões. Essa reabertura de competição para o contrato de nuvem do Pentágono também ajudou o estoque da Oracle a aumentar 7,3% na semana, tornando o cofundador Larry Ellison US$ 6 bilhões mais rico.

Enquanto isso, Bezos passou parte de sua primeira semana livre das responsabilidades do dia a dia na Amazon encontrando bilionários e corretores de energia em Sun Valley, Idaho. No evento, ele foi flagrado com sua namorada, Lauren Sanchez.

O retiro anual na cidade turística atraiu pelo menos 25 bilionários com um valor coletivo estimado em US$ 825 bilhões. O tempo de lazer de Bezos ficará mais intenso a partir de 20 de julho, quando ele pretende embarcar no primeiro voo espacial humano de sua empresa de exploração espacial, Blue Origin.

Há apenas um mês, a fortuna de Bezos ficou atrás da do magnata de luxo francês Bernard Arnault. Depois da dupla passar semanas se superando, o aumento recente nas ações da Amazon tornou Bezos US$ 23 bilhões mais rico que Arnault – consolidando sua posição como a pessoa mais rica do mundo.

Abaixo, a Forbes separou os bilionários que mais ganharam nesta semana, de acordo com a fortuna estimada no fechamento dos mercados de 2 de julho até 9 de julho.

  • 1 – Jeff Bezos
    Fortuna US$ 212,4 bilhões (aumento de US$ 10,6 bilhões)
    País: Estados Unidos
    Fonte: Amazon

    Getty Images
  • 2 – Larry Ellison
    Fortuna US$ 112,8 bilhões (aumento de US$ 6 bilhões)
    País: Estados Unidos
    Fonte: Oracle

    Getty Images
  • 3 – Mackenzie Scott
    Fortuna US$ 62,5 bilhões (aumento de US$ 3,5 bilhões)
    País: Estados Unidos
    Fonte: Amazon

    Getty Images
  • 4 – Wei Jianjun
    Fortuna US$ 23,6 bilhões (aumento de US$ 3,4 bilhões)
    País: China
    Fonte: Automóveis

  • 5 – Robin Zeng
    Fortuna US$ 48,3 bilhões (aumento de US$ 2,3 bilhões)
    País: Hong Kong
    Fonte: Baterias

    Getty Images
  • 6 – Liu Jincheng
    Fortuna US$ 12,2 bilhões (aumento de US$ 2,1 bilhões)
    País: China
    Fonte: Baterias de lítio

  • 7 – Li Zhenguo
    Fortuna US$ 13,6 bilhões (aumento de US$ 1,4 bilhões)
    País: China
    Fonte: Energia solar

  • 8 – Yu Yong
    Fortuna US$ 5,7 bilhões (aumento de US$ 1,2 bilhões)
    País: China
    Fonte: Mineração

  • 9 – Li Liangbin
    Fortuna US$ 5,7 bilhões (aumento de US$ 1,2 bilhões)
    País: China
    Fonte: Energia de lítio

  • 10 – Li Jianhua
    Fortuna US$ 9,2 bilhões (aumento de US$ 1,1 bilhões)
    País: China
    Fonte: Componentes de painéis solares

    Getty Images

1 – Jeff Bezos
Fortuna US$ 212,4 bilhões (aumento de US$ 10,6 bilhões)
País: Estados Unidos
Fonte: Amazon

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).