Toyota vai parar fábrica em Sorocaba por 10 dias por falta de peças

A paralisação ocorrerá entre 18 e 27 de agosto.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Desde meados do primeiro trimestre, montadoras do Brasil têm relatado problemas com fornecimento de insumos

Acessibilidade


A Toyota informou hoje (11) que vai parar a fábrica de carros em Sorocaba (SP) a partir da próxima semana até o final do mês por falta de componentes e que a unidade de motores em Porto Feliz (SP) também será parcialmente afetada.

A companhia afirmou que as paradas vão ocorrer entre 18 e 27 de agosto e que a decisão deve-se à “falta de insumos que afeta a cadeia de suprimentos global, provocada pela pandemia”.

LEIA MAIS: Toyota desenvolve cidade inteligente no Japão para 2.000 residentes

Desde meados do primeiro trimestre, montadoras do Brasil têm relatado problemas com fornecimento de insumos, principalmente microprocessadores que equipam uma série de sistemas dos veículos atuais, desde freios a plataformas de entretenimento.

“Apesar de todos os esforços que temos realizado ao longo do tempo, nesse momento uma parada é inevitável”, afirmou a companhia japonesa.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Toyota afirmou que os funcionários afetados pelas paralisações entrarão em férias coletivas, com o retorno às atividades programado para 30 de agosto. As demais unidades da companhia no Brasil, localizadas em São Bernardo do Campo e Indaiatuba, permanecem com suas atividades normais. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: