Receita da Warner Bros Discovery sobe em primeiro resultado desde a fusão

Lucro líquido disponível à companhia subiu para US$ 456 milhões.

Reuters
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


A receita trimestral da Warner Bros Discovery cresceu 13% no primeiro conjunto de resultados da gigante da mídia formada por uma fusão de US$ 43 bilhões entre a Discovery e os ativos da WarnerMedia da AT&T.

Os resultados não incluem números da WarnerMedia, que abriga as franquias Harry Potter e Batman, canais de TV como a CNN e o serviço de streaming HBO Max.

LEIA TAMBÉM: Elon Musk e Twitter: o que acontece agora?

Nos três meses anteriores ao fechamento da fusão, o total de assinantes pagos de streaming – incluindo os da Discovery + -aumentou 2 milhões em relação ao quarto trimestre de 2021, informou a empresa hoje (26).

Uma recuperação nos gastos com publicidade, a transmissão das Olimpíadas de Inverno de Pequim em fevereiro e os canais de TV da Discovery voltados para estilo de vida, como HGTV e TLC, ajudaram a atrair assinantes no trimestre. No mesmo período, a Netflix registrou o primeiro declínio na base de assinantes em mais de uma década.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A receita total da Warner Bros Discovery aumentou 13%, para US$ 3,16 bilhões, no primeiro trimestre deste ano na comparação anual.

O lucro líquido disponível à companhia subiu para US$ 456 milhões, ou US$ 0,69 por ação, de US$ 140 milhões, ou US$ 0,21 por ação, um ano antes.

Compartilhe esta publicação: