Ações do Twitter caem após Musk desistir de comprar empresa

Papéis da rede social caíram 6% nas negociações de pré-mercado hoje (11) e podem atingir piso de US$ 23,50 se nenhum acordo for feito

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Musk desistiu da compra do Twitter na última sexta-feira (8)

Acessibilidade


As ações do Twitter caíram cerca de 6% nas negociações de pré-mercado hoje (11), uma vez que uma disputa legal entre Elon Musk e a empresa de mídia social deve ocupar o centro das atenções depois que o homem mais rico do mundo desistiu do negócio de US$ 44 bilhões.

Musk, presidente-executivo da Tesla, disse na sexta-feira que estava encerrando sua oferta para comprar o Twitter porque a empresa violou várias disposições do acordo de fusão.

O Twitter planeja processar Musk ainda nesta semana e forçá-lo a concluir a aquisição, disseram à Reuters pessoas familiarizadas com o assunto.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Hoje (11), Musk criticou a postura do Twitter, tuitando que a batalha legal levaria a empresa a divulgar informações sobre bots e contas de spam no tribunal.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A série de tuítes foi a primeira resposta pública de Musk desde o anúncio de sexta-feira.

As ações do Twitter fecharam em US$ 36,81 na sexta-feira, um desconto de 32% em relação à oferta de US$ 54,20 de Musk, já que foram atingidas pela queda no mercado de ações como um todo e pelo ceticismo dos investidores sobre o acordo.

“Acreditamos que as intenções de Elon Musk de encerrar a fusão são mais baseadas na recente vendas do mercado do que na ‘falha’ do Twitter em atender aos seus pedidos”, disse o analista Brent Thill, da Jefferies, em nota.

“Na ausência de um acordo, não ficaríamos surpresos ao ver a ação encontrar um piso em US$ 23,50.”

O contrato exige que Musk pague ao Twitter uma multa de US$ 1 bilhão se ele não concluir o acordo por motivos como o financiamento da aquisição não ter sucesso ou os reguladores bloquearem o acordo. Essa taxa, porém, não seria aplicável, no entanto, se Musk rescindir o acordo por conta própria.

Compartilhe esta publicação: