Simone Biles lança sua primeira coleção de NFTs

Para aproveitar a ascensão desse mercado, ginasta disponibilizou mais de 10 mil tokens, alguns deles assinados digitalmente .

Tommy Beer
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Para aproveitar a ascensão do mercado, ginasta Simone Biles disponibilizou mais de 10 mil tokens não fungíveis

Acessibilidade


Simone Biles, sem dúvidas a maior ginasta de todos os tempos, lançou sua primeira coleção de NFT (tokens não fungíveis) na última terça-feira (31) pela Autograph, a plataforma NFT cofundada pelo lendário quarterback Tom Brady.

São mais de 10 mil NFTs disponíveis para compra, com um preço inicial de US$ 12, segundo revelou Simone à Forbes em entrevista anunciando sua coleção de estreia.

VEJA TAMBÉM: Simone Biles fatura milhões com patrocínios, mas está longe dos atletas mais bem pagos

A ginasta diz que trabalhou bem de perto na colaboração com a Autograph para criar os NFTs, e acrescenta: “Ao olhar para o futuro em minha carreira, estou realmente interessada em diversificar minhas habilidades criativas e me conectar com meus fãs de uma nova maneira”.

À venda no Autograph.io e no DraftKings Marketplace, uma “segunda onda” de tokens de edição limitada, incluindo NFTs assinados digitalmente, também foi lançada ontem (2).

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Reprodução/Autograph
Reprodução/Autograph

Alguns tokens podem chegar a US$ 1.500, com assinatura digital da ginasta

Simone Biles também fará parte do conselho de consultoria da Autograph, que já inclui outros atletas famosos como Naomi Osaka, Tony Hawk, Derek Jeter e Tiger Woods.

“Como a maioria das pessoas, tenho ouvido cada vez mais sobre os NFTs nos últimos meses”, disse à Forbes. “Tem sido um espaço muito interessante para aprender, e estou muito feliz por finalmente participar da minha primeira coleção NFT.”

Os preços dos NFTs muito procurados, cujo valor é derivado de sua exclusividade digital verificável e selo de propriedade virtual, dispararam para novos patamares em agosto. Nos últimos 30 dias, o volume de vendas de CryptoPunks NFTs, uma coleção de avatares pixelados, superou US$ 727 milhões, de acordo com dados do site de monitoramento da indústria CryptoSlam. Outro NFT popular, o Art Blocks, gerou mais de US$ 280 milhões em vendas só na última semana de agosto. 

No início deste ano, Tom Brady, após uma nova vitória no Super Bowl, anunciou que sua plataforma havia assinado parcerias com a companhia de entretenimento Lionsgate e a empresa de apostas esportivas DraftKings. Em 11 de agosto, Brady abandonou sua primeira coleção NFT, e todas as 10 mil unidades esgotaram instantaneamente. O atleta de hóquei no gelo Wayne Gretzky lançou uma coleção NFT via Autograph na semana seguinte, que supostamente se esgotou em minutos. Simone Biles disse à Forbes que ficou “realmente animada” quando a Autograph a abordou sobre uma potencial parceria e se sentiu “honrada por se juntar a um grupo com Tom Brady, Wayne Gretzky e Naomi Osaka”. Ela também conta que outro fator importante para ingressar na plataforma foi “saber que seria um verdadeiro processo colaborativo”.

VEJA TAMBÉM: Os 10 NFTs mais caros da história

A ginasta, que surpreendentemente desistiu das finais de ginástica na Olimpíada de Tóquio para priorizar sua saúde mental, logo estreará no Gold Over America Tour, com uma equipe de grandes estrelas da modalidade, entre elas Jordan Chiles, MyKayla Skinner, Katelyn Ohashi, Peng Peng Lee e Morgan Hurd. O tour em novembro, que passará por 35 cidades nos EUA, apresentará performances, além de destacar a jornada de cada atleta para se tornar uma ginasta de renome mundial.

De acordo com estimativas da Forbes, Simone Biles arrecada cerca de US$ 5 milhões por ano com patrocínios. Atualmente, ela mantém parcerias com uma dúzia de companhias, entre elas Visa, Uber Eats, United Airlines e Athleta. 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: