Hackathon nacional desafia empreendedores da gastronomia

Iniciativas de aceleração, mentorias, financiamentos e colaboração .

Gabriela Arbex
Compartilhe esta publicação:

Arte sobre foto/ Getty Images

Acessibilidade


Estão abertas as inscrições para o hackathon que pretende construir um grande banco de ideias e soluções reais para reerguer as micro e pequenas empresas da alimentação fora de casa. Serão cinco dias de atividades e mentoria, totalmente gratuitas e 100% online, entre 12 e 16 de setembro. Empreendedores e outros interessados de todo o país podem se inscrever individualmente ou em grupo.

Siga todas as novidades da Forbes Insider no Telegram

O hackathon faz parte do Hack pela Gastronomia, que começou em 1º de setembro com uma série de talks temáticos sobre os desafios que rondam a cadeia do food service, uma das que mais sofreu com a pandemia da Covid-19.

Cerca de 45 nomes representativos do mercado – entre chefs, gestores e investidores de food service – participarão até o dia 9 de três webinars diários, realizados às 9h30, às 18h e às 19h30. Os debates – que podem ser acessados pelo site www.hackpelagastronomia.com.br – servirão de base para os participantes do hackathon pensarem em ações práticas, processos e produtos que possam servir para o mercado, especialmente para as micro e pequenas empresas locais.

O hackathon é voltado para profissionais da área de gastronomia, negócios, comunicação, marketing, UX/Design, tecnologia, programação, engenharias e finanças. Foi pensado para reunir empresários de variados portes, professores, estudantes, pesquisadores e a comunidade como um todo. Os participantes poderão escolher e propôr soluções para uma das cinco categorias de desafios: Negócios, Comportamento, Comunicação, Espaço e Tecnologia. As três melhores soluções serão conhecidas no dia 21 de setembro, durante uma live realizada pelo Bom Gourmet. as inscrições terminam no dia 9.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: