Hyundai diz que negocia com Apple para parceria de veículos elétricos

Boonchai Wedmakawand/Getty Images
Boonchai Wedmakawand/Getty Images

As ações da Hyundai subiram 25% após divulgação sobre possível parceria com a Apple para desenvolver carro elétrico

A Hyundai disse hoje (8) que está em negociações iniciais com a Apple, após a mídia sul-coreana informar que as empresas estavam discutindo uma parceria para desenvolver um carro elétrico e baterias, fazendo com que as ações da Hyundai subissem 25%.

A reportagem vem semanas após a Reuters informar que a Apple estava avançando com a tecnologia de carros autônomos e pretendia produzir um veículo de passageiros que pudesse incluir sua própria tecnologia de baterias já em 2024.

Siga todas as novidades da Forbes Insider no Telegram

Mais cedo hoje, a “Korea Economic Daily TV” disse que a fabricante do iPhone e a Hyundai discutiam para desenvolver veículos elétricos autônomos até 2027 e baterias nas fábricas norte-americanas operadas pela Hyundai ou por sua subsidiária Kia Motors. A emissora não citou fontes.

“A Apple e a Hyundai estão em negociações, mas como estão em um estágio inicial, nada foi decidido”, disse a Hyundai em comunicado. A montadora não disse sobre o que são as conversas e omitiu uma referência de declaração anterior ao fato de a Apple estar em discussões com outras montadoras globais.

Depois, a montadora disse que estava “recebendo pedidos de cooperação para o desenvolvimento conjunto de veículos elétricos autônomos de várias empresas”, sem identificar nenhuma delas.

A Apple não quis comentar. A fabricante do iPhone é conhecida por manter planos de novos produtos sob sigilo. Um carro da Apple pode ser um grande desafio para a líder de mercado de veículos elétricos Tesla. Ainda não está claro quem iria montar tal carro, mas analistas disseram esperar que a empresa conte com um parceiro de fabricação.

“Continuamos a acreditar fortemente que a Apple finalmente anunciará uma parceria estratégica de veículos elétricos em 2021, o que estabelece as bases para entrar no crescente espaço de veículos elétricos”, disseram analistas da Wedbush em nota.

Uma parceria com a Apple seria um grande impulso para a Hyundai, cujas vendas globais no ano passado caíram mais de 15%, com a pandemia afetando a demanda. O aumento do preço das ações hoje adicionou quase US$ 8 bilhões ao valor de mercado da Hyundai. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).