Mercado de servidores atingirá US$ 76 bilhões em 2021, Domino’s, Duolingo & Muito Mais

TENDÊNCIAS INTERNACIONAIS

Mercado de servidores atingirá US$ 76,8 bilhões em 2021

A crescente adoção de novas tecnologias, como big data, e um aumento na computação de alto desempenho, continuam alimentando a demanda por servidores. O mercado global deve atingir um valor de US$ 76,8 bilhões em 2021, um aumento de quase 10% ano a ano, de acordo com dados apresentados pela Aksje Bloggen.

Em 2017, as receitas do mercado global de servidores totalizaram US$ 60,5 bilhões, revelou a Statista, afirmando que este mercado cresceu 20% nos 12 meses seguintes e atingiu o valor de US$ 73,8 bilhões em 2018. No entanto, 2019 testemunhou uma ligeira queda, com as receitas caindo para US$ 72,4 bilhões. Com a pandemia da Covid-19, este número caiu mais 5%, atingindo US$ 70,2 bilhões em 2020.

Apesar da queda no ano passado, as estatísticas da empresa norueguesa de serviços financeiros mostram que 2021 deve representar um ano de forte recuperação do mercado de servidores, com a receita global aumentando US$ 6,6 bilhões em um ano. Em 2025, a previsão é que todo o mercado cresça mais 18% e atinja US$ 91 bilhões.

China deve elevar produção de veículos elétricos em 51% em 2021

A China registrou um número recorde de EVs (veículos elétricos) vendidos no país em 2020, apesar da desaceleração global da indústria automotiva devido à crise sanitária. De acordo com os dados apresentados pela Trading Platforms, 1,3 milhão de EVs foram vendidos no país no ano passado. A análise indica que, em 2021, esse número deve aumentar 51%, chegando próximo da marca de 2 milhões.

Em 2019, o mercado global de veículos elétricos foi avaliado em pouco mais de US$ 162 bilhões, e espera-se ver um significativo crescimento na próxima década. Este mercado é projetado para ter uma taxa composta de crescimento anual de 22,12% de 2019 a 2026, e atingir um valor de quase US$ 803 bilhões em 2026.

Duas marcas e seus veículos conduziram a indústria chinesa de EV durante a pandemia: SAIC-GM-Wuling e Tesla. O Tesla Model 3 foi o EV mais popular na China até que o Wuling Hong Guang Mini EV entrou no mercado, em meados de 2020. Segundo a Trading Platforms, até julho do ano passado 11 mil veículos Model 3 foram registrados na China, contra os 7.250 Wulling Hong Guang. No final de 2020, a SAIC-GM-Wuling havia se tornado a marca de veículos elétricos mais popular no país, com cerca de 177 mil unidades vendidos em comparação às 137.460 unidades da Tesla.

***

TENDÊNCIAS NACIONAIS

Mercado de PCs fecha 2020 com alta de 6%

De outubro a dezembro de 2020, foram vendidos mais de 1,9 milhão de computadores no Brasil, 20,6% a mais do que no mesmo período de 2019. Desse total, foram 1,6 milhão de notebooks e quase 400 mil desktops. Os dados fazem parte do estudo “IDC Brazil PCs Tracker 4Q2020”, realizado pela IDC Brasil, especializada em inteligência de mercado, serviços de consultoria e conferências nas indústrias de TI e telecom.

Com os números do quarto trimestre, a IDC Brasil chega a um total de 6,3 milhões de computadores comercializados em 2020, sendo 1,3 milhão de desktops e 5 milhões de notebooks, alta de 6% em relação a 2019.

Para 2021, a empresa prevê um crescimento de 8,6%, em suporte à demanda provocada pela continuidade da pandemia da Covid-19. A IDC Brasil também espera impactos no Brasil e no mundo relacionados à falta de componentes e, consequentemente, de produtos, causada pelo desequilíbrio entre as demandas e a capacidade produtiva da cadeia global de insumos.

46% das pessoas preferem fazer processos seletivos de forma totalmente remota

Para entender melhor o impacto da Covid-19 no mercado de trabalho, a Mindsight, empresa especializada em ciência de dados para a gestão de pessoas, realizou uma pesquisa com uma amostra de 6.140 brasileiros que participaram de processos seletivos em janeiro de 2021.

Entre os entrevistados, 61% estão desempregados em busca de recolocação, 9% são profissionais autônomos em busca de um trabalho fixo e os outros 30% estão empregados, mas buscam outras oportunidades. Segundo os resultados, 45% afirmaram estar procurando um emprego há mais de quatro meses, enquanto 32% buscam recolocação há dois meses.

Em relação à preferência de formato do processo seletivo, o estudo indicou que 46% preferem quando estes são realizados de forma totalmente online. Outros 45% preferem um processo misto, com etapas online e  entrevistas presenciais. Apenas 9% optaram por processos seletivos conduzidos de maneira completamente presencial. Quando questionados sobre o formato de vagas que estão buscando, 47% dos participantes preferem um trabalho presencial, 40% priorizam um modelo híbrido e somente 12% estão procurando um trabalho totalmente remoto.

***

O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

Domino’s investe em novas tecnologias

Divulgação

A Domino’s quer chegar ao número de até 600 lojas no Brasil até 2025. Para conquistar o feito, a empresa tem dedicado parte de seu orçamento anual para o desenvolvimento de novas tecnologias, que auxiliem o processo todo, da confecção das pizzas até suas entregas. Para o ano de 2021, a marca já separou R$ 5 milhões para a execução de projetos neste sentido. Mas, segundo o CEO da empresa, Fernando Soares, este número pode se estender até R$ 20 milhões, caso o retorno seja prolífico.

Os dados do investimento em tecnologia, que foram cedidos com exclusividade à Forbes, serão dedicados para iniciativas que consigam otimizar a produção e entrega das pizzas. “Na Domino’s, a gente quer que todas as áreas da empresa trabalhem em conjunto para pensar em soluções tecnológicas que melhorem os processos ou a experiência do consumidor”, afirma Soares. Se a ideia for testada e o seus ganhos forem comprovados, diz, investimento é o que não faltará.

No ano passado, por conta da pandemia de Covid-19, a empresa teve uma surpresa com os seus canais digitais, como o site e o aplicativo, que foram responsáveis por 59% dos pedidos realizados. A perspectiva é de que, com o investimento em tecnologia, esse número aumente, traga novos consumidores e aumente o interesse na inauguração de lojas por parte de fraqueados. No ano passado, a companhia abriu 25 novos estabelecimentos, totalizando 308 lojas no Brasil. 

Microsoft vai expandir infraestrutura na datacenter Brazil South

A Microsoft anunciou recentemente mais um marco em seu plano “Microsoft Mais Brasil”, a fim de expandir sua infraestrutura de nuvem no país e apoiar as necessidades de resiliência digital dos clientes. A novidade é que agora as Zonas de Disponibilidade do Azure, que fornecem alta disponibilidade para seus aplicativos e dados mais importantes, estão comumente disponíveis na região de datacenter Brazil South, em São Paulo. O avanço reforça o compromisso da companhia com o país e é uma sequência da disponibilidade do Microsoft 365 Multi-Geo no Brasil, que oferece aos clientes a possibilidade de ampliar a utilização do Microsoft 365 tenant para armazenar dados de usuários em uma ou mais das 16 geografias disponíveis. 

IBM inicia operações de sua primeira região de nuvem na América Latina

A IBM anunciou o início das operações de seu primeiro data center IBM Cloud Multizone Region (MZR) na América Latina, uma importante expansão da presença global de computação em nuvem da companhia. Localizada no Brasil, a Multizone Region é resultado do investimento contínuo da IBM para apoiar a adoção de nuvem híbrida e ajudar a promover o crescimento dos negócios na região, à medida que empresas de todos os setores aceleram seus planos de transformação digital em resposta à pandemia da Covid-19. Ao longo de 2021, o catálogo de IBM Cloud continuará a ser lançado, oferecendo opções de serviços de plataforma para ajudar os clientes a implementarem rapidamente arquitetura e aplicações de missão crítica em ambientes de nuvem híbrida e capacidades de inteligência artificial com IBM Watson, blockchain, IoT e analytics.

Google divulga resultados do seu Relatório Anual de Segurança de Anúncios

O Google divulgou os resultados do seu Relatório Anual de Segurança de Anúncios, documento que mostra as ações tomadas pela empresa para proteger os usuários e manter maus-atores fora do seu sistema. O documento indica que, em 2020, a empresa acrescentou ou atualizou mais de 40 políticas para anunciantes e editores, a fim de garantir uma experiência segura para usuários, criadores, editores e anunciantes, e bloqueou ou removeu quase 3,1 bilhões de anúncios que violavam suas políticas. O relatório revela também que, para combater anúncios fraudulentos, a gigante de buscas desenvolveu um programa de verificação de identidade do anunciante e investiu em tecnologia para melhorar a identificação de comportamentos indesejados.

Usaflex implementa sistema de cobrança inteligente 

A Usaflex, especializada na produção de calçados, adquiriu recentemente a Receiv, ferramenta financeira inteligente que reduz a complexidade operacional e aprimora a jornada da cobrança, aperfeiçoando a gestão de contas, as atividades do time interno e a comunicação com os clientes na jornada da cobrança. “A plataforma da Receiv potencializa os profissionais do departamento, pois automatiza processos, torna o atendimento de clientes mais efetivo e facilita a entrega de resultados. Nossa parceria com a Usaflex é estratégica, considerando que estamos num momento em que as soluções tecnológicas se tornam cada vez mais fundamentais para o crescimento e destaque das empresas em seus respectivos mercados de atuação”, afirma Pedro Bono, CEO da Receiv.

Ericsson inaugura linha de produção 5G da América Latina 

Divulgação

Em continuidade aos investimentos na próxima geração de conectividade na América Latina, a empresa de tecnologia Ericsson inaugurou, na sexta-feira (19), a primeira linha da região dedicada exclusivamente à produção da tecnologia 5G em sua fábrica de São José dos Campos, no interior de São Paulo. Graças à companhia, o Brasil será o primeiro país do hemisfério sul a produzir a tecnologia 5G, atendendo à demanda local e aos demais países da América Latina. 

***

CAPTAÇÃO

Uotel recebe aporte de R$ 50 milhões

Em operação há mais de quatro anos, a startup de gestão e transformação de ativos residenciais Uotel anunciou recentemente o rebranding da marca, com mudança de nome para NOMAH, e recebeu um aporte de R$ 50 milhões da Loft. O montante será utilizado para aperfeiçoar a área de tecnologia e potencializar a expansão de unidades. Atualmente, a empresa administra 400 apartamentos em São Paulo e quer chegar à marca de 1.200 unidades, inclusive em outras capitais, até o fim de 2021.

Pink Farms capta R$ 4,8 milhões via crowdfunding

Dan Magatti/Divulgação

A fazenda urbana vertical Pink Farms concluiu uma bem-sucedida rodada de captação de investimentos, superando as expectativas iniciais em 20% ao captar R$ 4,8 milhões. A iniciativa, realizada pela plataforma de crowdfunding SMU Investimentos, vai aplicar os recursos na expansão da área produtiva, investimentos em P&D para novas culturas, marketing, fortalecimento do time comercial e ampliação da equipe de engenharia para projetos de fazendas maiores, com possibilidade de escalabilidade para todo o país.

SuperOpa capta R$ 2,3 milhões

O SuperOpa, marketplace que aproxima consumidores finais de distribuidoras para evitar o desperdício de alimentos, captou R$ 2,3 milhões em uma operação liderada pela Bossa Nova em conjunto com a SMU Investimentos. A startup oferece produtos em perfeitas condições, mas que não chegarão às prateleiras dos mercados porque estão próximos do vencimento, com descontos de até 70%, além de itens regulares de alimentação e de saúde e bem-estar, segmento inaugurado recentemente. A expectativa da empresa é terminar 2021 evitando o desperdício de 150 toneladas de alimentos, um aumento de 650% em relação à redução de impactos de 20 toneladas do ano passado. 

Delivery Much recebe novo aporte da Stone

O aplicativo Delivery Much levantou mais uma rodada de investimentos com a Stone. Esse é o segundo aporte da fintech de meios de pagamento no aplicativo de delivery, após a captação do ano passado. Os recursos serão utilizados para aprimorar as tecnologias da startup, aumentar a escala territorial, ampliar o número de operações, aprimorar processos e produtos, realizar novas contratações e comprar outras empresas complementares ou do mesmo segmento. O valor do aporte não foi divulgado.

Proptech AoCubo capta R$ 5 milhões

Em uma rodada que uniu investidores-anjo e fundos de investimentos, como Ipanema Ventures, Cavig, InfoCasas e NetVentures, a startup AoCubo, imobiliária digital que transforma a experiência de compra e venda de imóveis novos por meio de tecnologia, captou aproximadamente R$ 5 milhões. Com o aporte, a empresa pretende investir em tecnologia, produto, marketing e vendas, além de ampliar o time de funcionários, alcançando a marca de 100 colaboradores. A startup pretende iniciar operações em cidades do interior de São Paulo, como Ribeirão Preto e São José dos Campos, e dobrar o número de transações e de faturamento.

SumUp anuncia aporte de R$ 1,3 bilhão

A SumUp – fintech de soluções financeiras -, acaba de anunciar um aporte de cerca de R$ 1,3 bilhão para as operações no Brasil. O investimento faz parte da estratégia global da empresa para fomentar o crescimento contínuo de suas operações, bem como para a expansão global dos negócios através de aquisições e desenvolvimento de novos produtos. Com o aporte, os esforços da SumUp serão voltados para a  criação de um modelo de solução única aos microempreendedores (com adquirência, banco digital e produtos de crédito), aquisição de novos clientes, expansão da atuação para outros países da América Latina e atração de talentos.

The New Butchers recebe aporte do fundo de capital Lever VC

Divulgação

O fundo de capital de risco Lever VC anunciou recentemente um aporte de valor não divulgado na The New Butchers, startup de carnes plant-based. O investimento valida a estratégia da foodtech em focar na qualidade de produtos e estrutura própria dedicada para pesquisa e desenvolvimento. A meta, agora, é acelerar os lançamentos da foodtech, expandir a operação no Brasil e partir para o exterior. No ano passado, a Lever fechou seu primeiro fundo com US$ 23 milhões, com o objetivo de investir em startups em estágio inicial focadas em proteína vegetal e celular.

***

ACELERAÇÃO

Febraban divulga contemplados em seu programa de aceleração

Divulgação

A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) divulgou os resultados do seu Programa de Aceleração Meu Bolso em Dia, criado para alavancar projetos de inovação em educação financeira com alto potencial de impacto social. Na primeira etapa, foram selecionadas Yours Bank, Educação Digital Divertida, Instituto Precisa Ser, A3 Informática, Tindin Educação Financeira, Ricardo Hiraki Maila Eireli, F.A.D de C. Machado Ministração de Cursos e Treinamentos, Impact Hub Brasilia Eireli, CSS Eventos Recreativos, InvestPlay Serviços de Gestão Financeira, Barkus Educacional Treinamentos, Eurico Tecnologia para Fianças Pessoais, E.O. Santos, Educar 3.0 Gestão Empresarial, L&F Serviços e Tecnologia, Blu Pagamentos e Tecnologia Digital, BillApp Soluções de Pagamentos, Gap Desenvolvimento & Gestão e Prosperitá Consultoria em Tecnologia da Informação. As empresas receberão mentorias e workshops com especialistas em mercado financeiro, tecnologia e inovação social. A Febraban investirá R$ 1 milhão no programa, incluindo mentorias, workshops e aportes financeiros.

LEIA TAMBÉM: Especial Mulheres na Tecnologia: 13 fundadoras de edtechs que estão levando capacitação para todos os cantos do país

***

CRESCIMENTO

Duolingo cresce em número de usuários após iniciar operação no Brasil

Divulgação

Desde que o aplicativo Duolingo iniciou sua operação no Brasil, em outubro do ano passado, a plataforma de aprendizado de idiomas teve um crescimento de 30% em número de usuários no país. Um dos serviços do aplicativo, o Duolingo English Test, que certifica a proficiência de alunos remotamente, teve uma utilização 500% maior durante o ano de 2020 – informações cedidas com exclusividade à Forbes Brasil.

À frente da operação brasileira está a executiva Analigia Martins, que não exclui o impacto da pandemia de Covid-19 nos números compartilhados, mas valoriza o trabalho de adaptação local do serviço. “Quando você ‘tropicaliza’, você consegue desenvolver um relacionamento mais próximo com o usuário”, diz. Segundo ela, desde outubro de 2020, a empresa modificou textos e nomes de botões do aplicativo, além de ter feito um trabalho forte de marketing nas redes sociais.

Com mais de 500 milhões de downloads, o Duolingo oferece 99 cursos de 39 idiomas distintos, como inglês, espanhol, italiano, alemão e esperanto. O Brasil, de acordo com a empresa, é o segundo país em número de usuários da plataforma, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. A versão premium do aplicativo, o Duolingo Plus, tem mensalidade de R$ 27,90.

E-goi cresce 158% em cinco anos

A E-goi, empresa de tecnologia que desenvolveu um SaaS de marketing automation multicanal, revelou com exclusividade à Forbes Brasil que teve um crescimento de 158% em faturamento global nos últimos cinco anos, atingindo a marca de R$ 70 milhões de faturamento em 2020. No Brasil, o aumento de faturamento foi de 30,5% no ano passado. A empresa cresceu de forma orgânica e hoje possui clientes em 40 países, mirando principalmente pequenas e médias empresas. Para 2021, a E-goi projeta um crescimento de 25%.

***

IMPACTO SOCIAL

Huawei e Unisuam vão preparar jovens para o mercado

A Huawei instalou um novo laboratório de fibra óptica no Polo Niterói da Universidade Unisuam para oferecer cursos de capacitação para a geração “NEM-NEM”, formada por jovens e adultos que nem trabalham e nem estudam. A iniciativa visa capacitar a mão de obra por meio de cursos desenvolvidos e ministrados pela Unisuam e Acierj (Associação Comercial Industrial do Estado do Rio de Janeiro) para atender o mercado de tecnologia e inovação em ascensão e reduzir o gap de profissionais capacitados para atuar na instalação de fibra óptica, utilizada para cobrir a demanda de banda larga fixa.

Plataforma da MOSS vai compensar emissão de carbono via internet

Pessoas físicas de qualquer parte do mundo já podem compensar suas emissões de carbono e destinar recursos para projetos de preservação ambiental por meio da internet. Na plataforma ambiental MOSS, os interessados podem realizar a compensação de créditos de carbono para suprir os danos causados pela emissão de poluentes, como o dióxido de carbono, na atmosfera. A compra e compensação do token de crédito de carbono da MOSS, o MCO2, é feita no próprio site da empresa, que destina parte dos recursos para projetos de preservação ambiental da floresta Amazônica. Também é possível armazenar o ativo, que não expira, em uma carteira digital, para compensação ou venda futura.

LEIA MAIS: Fintech ambiental enviou R$ 55 mi para projetos na Amazônia nos últimos seis meses

Fundo Vale busca soluções inteligentes para desafios ambientais

Com o objetivo de impulsionar o ecossistema de negócios agroflorestais que gerem impactos socioambientais positivos, inovação e uma economia mais sustentável, o Fundo Vale e a Reserva Natural Vale, braços do investimento social privado nos temas de empreendedorismo de impacto, pesquisa científica e conservação florestal da Vale, em parceria com a Troposlab, criaram o programa de aceleração Desafio Agroflorestal. As empresas selecionaram 10 startups com soluções em inteligência artificial (IA), IoT e blockchain para a sustentabilidade e 39 projetos sinérgicos com o Fundo Vale e Reserva Fundo Vale para participar de 140 horas de mentoria, seis parcerias de desenvolvimento e dois potenciais investimentos no estágio de pré-aceleração.

***

TECNOLOGIA DO BEM

99jobs lança site de resoluções antirracistas

A 99jobs, empresa que oferece soluções para aumentar a eficiência e a inteligência do setor de recursos humanos, lançou recentemente o site de Resoluções Antirracistas. Acessado a partir da plataforma de recrutamento e das redes sociais, o conteúdo é direcionado a pessoas brancas, e traz dados, reflexões sobre pautas de estímulo à inclusão racial e um checklist de 94 ações que podem ser tomadas para incluir o antirracismo na rotina. O projeto foi desenvolvido integralmente por uma equipe de profissionais negros, desde o planejamento até o design, com o objetivo de diminuir o gap de oportunidades de acesso ao mercado de trabalho entre candidatos brancos e negros.

Woke oferece programa de recolocação profissional

A Woke lançou recentemente um programa gratuito de recolocação focado em líderes que vai funcionar até o fim de abril. Batizada de (re)shape, a iniciativa contempla estratégias desenvolvidas por experts em recrutamento de alta gestão e uma jornada de autoconhecimento e autodesenvolvimento com diagnósticos e conteúdos sobre os principais aspectos que impactam a carreira das pessoas. São entregues conteúdos que ajudam a mapear e abordar oportunidades de trabalho, além de elaborar um perfil profissional eficiente no ambiente digital, melhorar o desempenho em entrevistas e construir um networking estratégico. A participação é gratuita.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).