Westwing sofre ataque cibernético, arquivos afetados não incluem dados financeiros e senhas

Paula Arend Laier/Reuters
Paula Arend Laier/Reuters

Companhia acionou seus protocolos de controle e segurança para bloquear a invasão e minimizar eventuais impactos

O portal de comércio eletrônico Westwing comunicou hoje (19) que identificou no último sábado (17) ataque cibernético criminoso em seu ambiente de tecnologia da informação e que ainda avalia a extensão do incidente. Até o momento, porém, a operação não foi afetada e continua funcionando normalmente.

Em fato relevante, a companhia disse que prontamente acionou seus protocolos de controle e segurança para bloquear o ataque e minimizar eventuais impactos e que o servidor e arquivos afetados não incluem informações financeiras de clientes, como dados de cartão de crédito e senhas de acesso ao site.

LEIA TAMBÉM: Clubhouse fecha novo aporte que avalia aplicativo em US$ 4 bilhões

“A companhia está apurando a extensão dos efeitos do ataque cibernético em seus sistemas e bases de dados, de modo que até o presente momento, é possível afirmar que se trata de um ataque ransomware que tornou alguns de seus sistemas e arquivos indisponíveis, bem como que o agente criminoso teve acesso não autorizado a arquivos e a um dos servidores da companhia”, afirmou Westwing. (Com Reuters)

 

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).