O Mundo dos Unicórnios: unico

Startup de biometria acaba de levantar R$ 625 milhões do General Atlantic e SoftBank.

Redação
Compartilhe esta publicação:
 vchal/Getty Images
vchal/Getty Images

A unico opera como uma IDTech com soluções de biometria facial para autenticação de identidades, assinatura eletrônica biométrica e admissão digital

Acessibilidade


A startup brasileira mais recente a entrar para o clube dos unicórnios é a unico, que acaba de ultrapassar US$ 1 bilhão em valor de mercado. A notícia veio na última terça-feira (3), quando a empresa recebeu um aporte de R$ 625 milhões em uma rodada liderada pelos fundos General Atlantic e SoftBank.

Criada em 2007 por Diego Martins (CEO), Paulo Alencastro e Rui Jordão, a unico opera como uma IDTech com soluções de biometria facial para autenticação de identidades, assinatura eletrônica biométrica e admissão digital. Com sede na cidade de São Paulo, atende bancos, varejistas, fintechs, e-commerces e indústrias com o objetivo de simplificar processos e combater fraudes. Cerca de 800 empresas no país já utilizam os seus serviços, incluindo Magalu, B2W, Vivo, Ambev, C6 Bank, Boticário, Vivara e Sephora.

LEIA MAIS: Startup de biometria unico recebe aporte e torna-se novo unicórnio brasileiro

Para Martins, a recente captação coloca a empresa no caminho certo para se tornar uma big tech brasileira com inovação proprietária, cujo objetivo é fazer da identidade digital a chave para conectar pessoas a todos os serviços e transações do dia a dia. “Temos trabalhado duro para estruturar nosso crescimento exponencial de forma sustentável, pensando em três pilares: time, tecnologias próprias e expansão orgânica e por aquisições”, explica o executivo.

A startup tem apostado em aquisições para acelerar o crescimento. Em 2009, a unico comprou a dotBR, desenvolvedora de software de gerenciamento de documentos e workflow. Em 2017, foi a vez da Arkivus, de Londrina (PR), e, no ano passado, da gaúcha Meerkat, especializada em análise de imagens. Em maio de 2021, a unico concluiu a compra da Vianuvem, startup de gestão de processos digitais para vendas de automóveis e, recentemente, anunciou a aquisição da CredDefense, complementando as áreas de tecnologia e desenvolvimento da biometria facial.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Veja, no infográfico a seguir, quatro coisas que você precisa saber sobre a unico:

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: