CEO do Hurb comenta início da operação no Canadá

Durante o Collision, evento de tecnologia e inovação, João Ricardo Mendes, CEO da plataforma de viagens, também comentou a estratégia de expansão internacional

Luiz Gustavo Pacete
Compartilhe esta publicação:
Divulgação

João Ricardo Mendes, CEO do Hurb: “Com a nossa chegada ao Canadá, visamos um espaço que nos permita estar mais próximos de projetos de pesquisa, inovação”

Acessibilidade


A plataforma brasileira de viagens Hurb, criada em 2011 como Hotel Urbano, anunciou durante o Collision, evento de tecnologia e inovação que ocorre em Toronto, no Canadá, a abertura de um escritório no país norte-americano, localizado na cidade de Montreal. O objetivo, de acordo com João Ricardo Mendes, CEO, é estar próximo aos centros de inovação do hemisfério norte e atrair talentos de tecnologia. O Hurb está presente no Collision também com um estande na parte de exposição do evento.

De acordo com a empresa, com foco em seu plano de inovação focado no investimento em inteligência artificial e big data, a expansão internacional se torna estratégica e complementa a expansão internacional que já incluiu, recentemente, centros de inovação em Lisboa, Portugal e também em Porto. “Com a nossa chegada ao Canadá, visamos um espaço que nos permita estar mais próximos de projetos de pesquisa, inovação e de parcerias com as principais instituições de Inteligência Artificial da região”, diz Joao Ricardo Mendes, CEO do Hurb.

Leia mais: O que o criador do NBA Top Shot espera da Web3?

Ainda de acordo com Mendes, é estratégico o posicionamento em grandes centros:”Pois isso nos permite aprender com mercados que contam com grande uso de tecnologia, para que possamos implementar essas inovações em nossa operação como um todo”, comenta. À Forbes Brasil, o CEO ressalta a importância deste investimento e o atual contexto de inovação no Brasil e no mundo.

Forbes Brasil – Por que o Canadá foi escolhido como forma de o Hurb estar próximo a centros de inovação? 
João Ricardo Mendes – Algumas foram as razões para a escolha do Canadá como sede do próximo escritório do Hurb. O país vem sendo cada vez mais procurado por empresas para ser sede de escritórios P&D e Montreal, especificamente, é um importante hub de inovação. A região é extremamente relevante no que tange a Artificial Intelligence, Machine Learning e Software – áreas que estão no core do Hurb. Além disso, a disponibilidade que o governo canadense tem em receber empresas estrangeiras foi mais um atrativo: o próprio consulado canadense nos procurou e está nos auxiliando neste processo.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

FB – Esse movimento de abrir escritórios fora do Brasil de empresas brasileiras tem sido cada vez mais comum, isso ocorre por causa do desafio de mão de obra em tecnologia no nosso país?
João – É fato que o mercado internacional possui grandes talentos nas áreas de ciências e tecnologia e o Hurb está atento a esses profissionais. Porém sua estratégia de internacionalização, iniciada em 2018, está pautada principalmente no incentivo à educação e à aproximação com academia, alunos e ecossistema de inovação, pelo que a gestão estratégica dos escritórios internacionais é da responsabilidade da equipe de Educação & Inovação da empresa. Sendo uma casa de tecnologia, o Hurb tem um plano de inovação focado no investimento em inteligência artificial e big data para entender o perfil de cada consumidor – ou potencial cliente – com quem está lidando. Assim, nos centros de inovação na Europa e América do Norte, o objetivo é se aproximar de instituições inovadoras para o desenvolvimento de software, impulsionando o seu programa de Desenvolvimento Educacional para colaboradores que procuram expandir as suas qualificações.

Leia mais: QuintoAndar inicia expansão internacional e desembarca no México

FB – Em termos de expansão global do ponto de vista de consumo, quais outros mercados são estratégicos para o Hurb e como um escritório fora do Brasil ajuda neste sentido?
João – Além do mercado canadense, o Hurb já se faz presente em território português: nosso primeiro escritório internacional está localizado no Porto. A ideia na região é mapear as principais instituições acadêmicas, com foco em Tecnologia & Ciências Aplicadas no Norte de Portugal, para buscarmos parcerias que envolvam o financiamento de bolsas de pesquisa e projetos em parceria com foco em desenvolvimento de software. Além disso, é uma maneira importante de estarmos sempre atentos aos talentos desde o início da graduação. O escritório do Porto também é o foco do Hurb Education Development Program, que já teve alguns colaboradores aprovados em 2022. Ademais, temos o Hurb Exchange Program – um programa de intercâmbio entre as Hurb Houses, já em vigor este ano. Além do Porto, o Hurb está presente também em Lisboa, numa localização privilegiada em Saldanha – tanto em termos de proximidade com a Academia quanto em estratégia comercial. A ideia para o ano de 2022 é expandir a quantidade de lugares disponíveis no escritório para podermos receber colaboradores no Hurb Education Development Program, Hurb Exchange Program e também recebermos pesquisadores nossos de universidades parceiras.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: