Como ver a olho nu o raro alinhamento de 5 planetas neste mês

Aqui está tudo o que você precisa saber para ver Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno alinhados no céu

Jamie Carter
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Terra e planetas do sistema solar. Neste mês, Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno alinhados no céu

Acessibilidade


É o destaque do mês, mas o quanto você sabe sobre como, por que e onde os cinco planetas vão se alinhar e ficar visíveis a olho nu ao longo de junho de 2022?

Aqui está tudo o que você precisa saber para ver Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno alinhados no céu – que começou na última sexta-feira (3), mas ficará mais fácil nas próximas três semanas:

1. Acontece antes do nascer do sol

Sim, um pouco de má notícia para começar. Você precisará se levantar antes do nascer do sol e olhar para o horizonte sudeste para ver Mercúrio mais próximo do horizonte, seguido por Vênus, Marte, Júpiter e Saturno. Esses últimos quatro planetas serão fáceis, mas você precisará de um horizonte leste desobstruído (e provavelmente binóculos) para ver o pequeno Mercúrio. Se você não conseguir ver Mercúrio, continue tentando ao mesmo tempo pelo resto de junho, porque ele subirá mais alto no céu antes do amanhecer.

Leia mais: Bebês nascidos nesta década poderão visitar as luas de Júpiter

2. Você só tem 30 minutos

O tempo é tudo porque o Sol nascerá logo depois de Mercúrio. Visite timeanddate.com e digite sua cidade, altere a data e role para baixo para ver a que horas Mercúrio nasce onde você está. É para isso que você deve definir o alarme. Se você não tiver binóculos e / ou uma visão clara e baixa do horizonte, poderá levantar ainda mais cedo para ver os outros planetas em um céu mais escuro (nesse caso, a ascensão de Vênus seria um bom momento para acordar) .

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

3. Eles aparecerão em sua ordem a partir do Sol

Em uma reviravolta bastante notável, os cinco planetas visíveis a olho nu serão organizados em sua ordem natural a partir do Sol em 91° do céu. Isso é o mais próximo que eles vão parecer estar nos próximos 100 anos. Primeiro será Mercúrio (o mais escuro) e Vênus (o mais brilhante) a 18º de distância – os dois planetas internos que orbitam o Sol mais perto do que nós na Terra – seguido por Marte em 4º, Júpiter (o segundo mais brilhante) e Saturno, o mais distante. Uma visão assim não é possível desde 2004 e um alinhamento como este não será visível novamente até 2041.

4. É uma ilusão de ótica

Os planetas não estão realmente alinhados – é apenas uma coisa de linha de visão. Para os planetas aparecerem todos na mesma visão significa que eles devem estar todos agrupados em um lado do sistema solar – o que eles estão – mas estarão a muitos milhões de quilômetros um do outro e da Terra. Nada está realmente acontecendo além da órbita da Terra levando-a para um lugar no espaço onde os outros planetas parecem estar em uma linha.

5. Um telescópio vai te dar dois planetas extras

Eles são muito pequenos para serem vistos a olho nu (e muito difíceis de binóculos) e eles não estão em sua posição “correta” em relação a quão longe eles estão do Sol, mas se você tiver um pequeno telescópio, também poderá encontrar Urano e Netuno no céu noturno antes do amanhecer. Urano estará entre Mercúrio e Vênus, Netuno entre Júpiter e Saturno. Se você é uma pessoa do tipo “Plutão é um planeta”, então, sim, seu amado planeta anão também está lá em cima, ao sul além de Saturno… embora seja muito pequeno para ser visto com qualquer coisa além de um telescópio enorme.

6. Você pode facilmente ver um sexto planeta bônus

Então você está olhando para os planetas, contando-os enquanto os vê… um, dois, três, quatro, cinco. Agora dê um descanso ao seu pescoço e dê uma olhada em seus pés. Seis! É justo contar a Terra em sua coleção do sistema solar.

7. Não afetará seu humor ou qualquer outra coisa

O “desfile planetário” é legal de se ver. É isso mesmo. A posição dos planetas no céu não tem consequências para a vida na Terra – e certamente não para o seu humor. Sem inundações, sem energia estranha, sem nada. Isso é tudo sobre a linha de visão de alguns objetos muito distantes. Como o alinhamento deles poderia ter algum efeito em… qualquer coisa? Se o seu humor sofre, provavelmente é porque você acordou tão cedo.

8. Vai acontecer novamente no final deste mês

Embora a visão de todos os planetas dentro de 91º seja o atrativo do desfile de planetas desta semana, vai ficar mais fácil (leia-se: ver Mercúrio) no final deste mês. De acordo com a revista Sky & Telescope, a programação planetária na sexta-feira, 24 de junho de 2022, será ainda mais atraente, apesar de ocorrer acima de 107º. Mercúrio será mais fácil de ver e você terá cerca de uma hora para encontrar todos os cinco planetas. Também haverá uma lua crescente minguante de 19% entre Vênus e Marte.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: