Farfetch adere ao pagamento via criptomoedas no Brasil

Inicialmente, a empresa aceitará seis tipos de criptomoedas, incluindo Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH) e USD Coin (USDC)

Divulgação
Divulgação

Segundo o diretor do Marketplace da Farfetch, Edward Sabbagh, a inovação está no centro do negócio da empresa e a meta é implantar novas tecnologias que proporcionem uma experiência de compra aprimorada

Acessibilidade

A Farfetch, plataforma de moda de luxo, anunciou que irá adotar como método de pagamento seis criptomoedas, algumas delas são Bitcoin (BTC); Ethereum (ETH) e USD Coin (USDC), que serão utilizadas no Farfetch Marketplace para clientes em 37 países, entre eles o Brasil. No momento do checkout da compra, os clientes poderão digitalizar um QR Code através de uma carteira de cripto. A empresa também oferecerá recursos de pagamento com criptomoedas para clientes de marcas de luxo, fruto de uma parceria com a Stadium Goods que será lançada em breve.

Leia mais:  Farfetch inaugura aceleradora focada em Web3

A plataforma é signatária do Crypto Climate Accord (CCA), inspirado no Acordo Climático de Paris, uma iniciativa do setor privado para a comunidade cripto focada na descarbonização da indústria de criptomoedas e blockchain. A CCA pretende descarbonizar a indústria global de criptomoedas, priorizando a gestão climática e apoiando a transição da indústria para zerar a emissão de gases de efeito estufa até 2040.

Segundo o diretor do Marketplace da Farfetch, Edward Sabbagh, a inovação está no centro do negócio da empresa e a meta é implantar novas tecnologias que proporcionem uma experiência de compra aprimorada para os clientes. “Estamos empolgados em oferecer criptomoedas como opção de pagamento para aqueles que utilizam o Farfetch Marketplace. As criptomoedas estão crescendo em importância para os clientes de luxo, e não podíamos deixar de implementar essa opção para os nossos consumidores.”, comenta Edward.