Alerta: Inmet e Inpe fazem previsão de chuvas intensas no Sudeste e Centro-Oeste no final do ano

Além de elevados acumulados de chuva, não estão descartadas tempestades isoladas que podem estar acompanhadas de rajadas de ventos, descargas elétricas e possível queda de granizo.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Embrapa
Embrapa

De acordo com os modelos numéricos de previsão de tempo, os maiores acumulados deverão ocorrer entre a noite do dia 30 e a noite do dia 31/12/2021

Acessibilidade


No período de 30 de dezembro de 2021 até pelo menos o dia 2 de janeiro de 2022, uma massa de ar úmida e instável causará tempestades e elevados acumulados de chuva em parte das regiões Sudeste e Centro-Oeste do Brasil. Os maiores acumulados de chuva deverão ocorrer no norte, centro e leste de Goiás, do Distrito Federal, de Minas Gerais (com exceção apenas no norte e nordeste), norte de São Paulo, Região Serrana e sul do Rio de Janeiro.

Além de elevados acumulados de chuva, não estão descartadas tempestades isoladas que podem estar acompanhadas de rajadas de ventos, descargas elétricas e possível queda de granizo. De maneira geral, os acumulados de chuva nessas áreas até a noite do dia 02/01/2022 poderão variar entre 70 e 150 mm.

LEIA TAMBÉM: Projeções para pecuária em 2022: o que esperar?

Durante esse período e, de acordo com os modelos numéricos de previsão de tempo, os maiores acumulados deverão ocorrer entre a noite do dia 30 e a noite do dia 31/12/2021. As Figuras 1 e 2 apresentam os resultados dos modelos numéricos do Inpe e do Inmet, respectivamente, para esse período.

Ambos os modelos (Figuras 1 e 2) indicam maiores acumulados de chuva no norte, centro e leste de Goiás, do Distrito Federal e no noroeste, centro e Zona da Mata de Minas Gerais, com valores que podem, pontualmente, ultrapassar os 120 mm em um único dia.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Figura 3 apresenta as probabilidades previstas pelos modelos numéricos para a ocorrência de chuva acima de 50 mm entre a noite do dia 30 e a noite do dia 31/12/2021. As áreas destacadas em roxa e rosa indicam uma probabilidade superior a 80% de acumulados de chuva acima de 50 mm em um único dia. Ou seja, a probabilidade de acumulados de chuva acima de 50 mm entre a noite do dia 30 e a noite do dia 31/12 em áreas de Minas Gerais e do norte de Goiás é superior a 80%.

Mapa
Mapa

Figura 1: Previsão do multi-modelo numérico do Inpe para precipitação acumulada entre às 00 UTC do dia 31/12/2021 e às 00 UTC do dia 01/01/2022 (21h do dia 30 às 21h do dia 31/12). Fonte: INPE

Mapa
Mapa

Figura 2: Previsão do modelo numérico COSMO (2,8 km) do Inmet para precipitação acumulada entre às 00 UTC do dia 31/12/2021 e às 00 UTC do dia 01/01/2022 (21h do dia 30 às 21h do dia 31/12). Fonte: INMET.

Mapa
Mapa

Figura 3: Probabilidade de acumulado de chuva acima de 50 mm entre às 00 UTC do dia 31/12/2021 e às 00 UTC do dia 01/01/2022 (21h do dia 30 às 21h do dia 31/12). Fonte: INPE.

O Mapa alerta que essas previsões poderão sofrer alterações, as previsões detalhadas e os Avisos Meteorológicos Especiais podem ser acessados nos seguintes endereços:

https://portal.inmet.gov.br/ https://alertas2.inmet.gov.br/ (Com Mapa)

Compartilhe esta publicação: