BC divulga medidas em agenda verde, incluindo novidades para impedimentos à contratação de crédito rural

Adriano Machado/Reuters
Adriano Machado/Reuters

Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto

O Banco Central divulgou hoje (15) as primeiras medidas da sua agenda de sustentabilidade, incluindo novidades sobre impedimentos legais e infralegais para contratação de crédito rural em função de questões sociais, ambientais e climáticas, questão que era considerada sensível para o setor agropecuário.

Sem dar mais detalhes num primeiro momento, o BC informou que já existem esses impedimentos e que eles precisam ser verificados pelas instituições financeiras, mas frisou que o BC estabelecerá, em relação a eles, “uma segunda linha de defesa”.

LEIA TAMBÉM: Biden diz que clima extremo custará mais de US$ 100 bilhões aos EUA este ano

Em apresentação inicial sobre a agenda, o presidente da autarquia, Roberto Campos Neto, defendeu que, com o lançamento da agenda, o BC visa liderar pelo exemplo dentro do sistema financeiro nacional, em consonância com melhores práticas internacionais.

Ele disse ainda que o objetivo da agenda é criar condições para o desenvolvimento de finanças sustentáveis, maior disponibilidade de recursos para empreendimentos sustentáveis e melhor gerenciamento dos riscos climáticos. (Com Reuters)

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).