13 roteiros de viagens com mulheres bem-sucedidas

GettyImages
Empresas de turismo comandadas por mulheres oferecem pacotes liderados pelas fundadoras para os destinos mais incríveis do mundo.

Quer viajar de uma forma mais autêntica? Várias empresas de turismo comandadas por mulheres oferecem pacotes liderados pelas fundadoras para os destinos mais incríveis do mundo. Alguns deles convidam os viajantes para conhecer os lugares onde essas empreendedoras cresceram. Essas viagens oferecem uma experiência íntima de regresso, proporcionando a oportunidade de ir além da rota turística e descobrir um país como um cidadão local. Outros destinos são projetados por especialistas que conhecem os locais e têm acesso a uma rede de pessoas que podem proporcionar o que eles oferecem de melhor. Há, ainda, expedições comandadas pelas fundadoras que proporcionam de tudo, de networking a busca de conhecimento interior.

VEJA TAMBÉM: 20 melhores destinos de viagem para mulheres

Seja qual for o caminho que você deseja, uma viagem liderada por uma empresária que criou o negócio oferece a oportunidade única de ver o mundo ao lado de pessoas que pensam como você e que podem oferecer um olhar aguçado sobre o que é necessário para empreender com sucesso.

Veja, na galeria de fotos a seguir, 13 roteiros de viagens oferecidos por fundadoras de negócios na área do turismo:

  • Marrocos, Espanha e Argentina com a Naya Traveler

    A empresa: A Naya Traveler oferece itinerários altamente personalizados e viagens experimentais pensadas para destinos culturalmente ricos.

    As fundadoras: Sofia Mascotena, Sarah Casewit e Marta Tucci acreditam que as histórias e conexões que surgem de uma viagem com “naya” (propósito) são tão importantes quanto aquelas que são tangíveis. A empresa trabalha usando como base as relações pessoais das fundadoras com os trabalhadores locais, de artistas tradicionais e autores literários a etnógrafos e muito mais.

    A viagem: A primeira viagem da Naya Traveler será para o Marrocos, entre 3 e 13 de junho, com Sarah, que chamou o país de casa por mais de 20 anos. Ela levará um pequeno grupo de 12 pessoas em uma viagem de 10 dias pelos seus destinos preferidos, incluindo a cidade medieval de Fez, o deserto do Saara, a Cidade Vermelha de Marrakesh e muito mais. A Naya Traveler oferecerá mais duas saídas lideradas pelas fundadores em 2020: Marta irá com um pequeno grupo à Espanha e Sofia à Argentina, seus respectivos países de origem.

  • Puerto Vallarta com a Vaera Journeys

    A empresa: A Vaera Journeys administra retiros para mulheres empreendedoras à procura de novas ideias, com o objetivo de ajudá-las a levar suas metas pessoais e profissionais para o próximo nível, por meio da exploração de projetos que lhes dê um propósito.

    A fundadora: A iniciativa é da escritora especializada em turismo Meagan Drillinger, de Nova York, que teve a ideia de unir suas paixões para inspirar outras mulheres e fazer viagens transformadoras.

    A viagem: Cada viagem da Vaera é inspirada em um destino único e inclui experiências para até 10 passageiros, pensadas para promover discussões criativas – incluindo sessões individuais com palestrante e coaching. O próximo retiro será para Puerto Vallarta, no México, de 2 a 7 de maio, e incluirá networking e aprendizado sobre como desenvolver seus negócios e marcas. Além de Meagan, Elena Ollick – empreendedora em série que começou seu próprio negócio aos 16 anos – acompanhará a viagem como palestrante. Um fotógrafo particular fornecerá fotos de nível profissional para usar em perfis de negócios e mídias sociais.

  • Paris, Índia e Japão com a Culturati Travel Design

    A empresa: A Culturati Travel Design conduz viagens em grupo mais intimistas, com foco em arte, arquitetura, design, gastronomia e estilo.

    A fundadora: Depois de 21 anos como editora chefe da “Travel + Leisure”, e cinco no mesmo cargo na “House & Garden”, Nancy Novogrod está aproveitando seu conhecimento pessoal, sua rede de contatos e suas paixões para criar viagens para destinos em todo o mundo. Ao trabalhar em parceria com a Valerie Wilson Travel, Nancy seleciona pessoalmente todos os lugares do itinerário, de hotéis e restaurantes até experiências ricas de acesso às artes e cultura.

    A viagem: Em novembro deste ano, Nancy vai liderar um grupo de aproximadamente 10 pessoas para a Índia, um país que ela conhece bem – e ama profundamente – graças às visitas anteriores como jornalista. Em colaboração com os principais especialistas no destino, o roteiro incluiu Mumbai, Udaipur, Jaipur, Agra e Delhi, com experiências únicas de locais históricos, como o Taj Mahal ao amanhecer. Há também a possibilidade de excursões de lifestyle e compras guiadas por especialistas para tudo, desde xales e outros itens de moda até arte e decoração. Nancy também estará a frente de viagens para Paris (outubro de 2019) e Japão (março de 2020).

  • África do Sul, Quênia e Província do Cabo Setentrional com a Roar Africa

    A empresa: A especialidade da Roar Africa está na elaboração de experiências privadas altamente personalizadas que oferecem oportunidades de acessos exclusivos na África Austral e Oriental.

    A fundadora: Deborah Calmeyer viveu entre Nova York e a Cidade do Cabo nas últimas duas décadas, e oferece aos empreendedores locais uma compreensão das necessidades e desejos dos viajantes sofisticados de outras partes do mundo. A história de 329 anos de sua família pioneira na África do Sul forma o núcleo da empresa de viagens ultra luxuosas, dirigida por mulheres e apoiada por guias nativos e uma rede de especialistas – todos comprometidos com a preservação e o apoio à população local, animais e meio ambiente.

    As viagens: Deborah vai liderar a excursão “Rewilding: Roar & Restore Retreat” entre 31 de maio a 5 de junho, uma jornada de aprendizado de reconexão, autodescoberta e autorrealização no Segera Retreat, localizado no interior do Quênia. A lista de palestrantes inclui visionários, criadores de jogos e pioneiros da ecologia que encorajam e estimulam o pensamento sobre o renascimento e como a nossa relação instintiva com a vida selvagem é a melhor prescrição de todas. Uma semana depois, a fundadora vai se juntar à lenda da mídia Pat Mitchell para a primeira “Viagem de Empoderamento das Mulheres” da agência em Tswalu, no Cabo Setentrional, na África do Sul. Juntas, elas criaram uma experiência altamente especializada com a ajuda de uma equipe de pilotos, guias, rastreadores, conservacionistas, chefs e outros profissionais do turismo que superaram o status quo em uma indústria de safáris dominada por homens.

  • Rios Europeus com a AmaWaterways

    A empresa: A AmaWaterways oferece inesquecíveis cruzeiros fluviais em 23 navios que passam pelo Danúbio, Reno, Mosela, Meno, Rhone, Sena, Garonne, Dordogne, rios holandeses e belgas, Douro, o Mekong do Sudeste Asiático e o Rio Chobe, na África.

    A fundadora: A coproprietária e vice-presidente executiva Kristin Karst acredita que a viagem é fundamental para compreender diversas culturas. Para ela, não há melhor maneira de aprender e crescer do que explorar o mundo. Em 2002, juntamente com Rudi Schreiner (seu marido) e o falecido Jimmy Murphy, Kristin decidiu criar uma empresa de cruzeiros fluviais com a qual ela gostaria de viajar. E assim nasceu a AmaWaterways. “Ama” vem da palavra latina “amor” e é um conceito tecido em todos os aspectos dos cruzeiros que a empreendedora idealiza, do design dos navios até os itinerários cuidadosamente elaborados.

    A viagem: Os cruzeiros especiais da AmaWaterways foram lançados em 2018. As datas de 2019 serão anunciadas em breve no blog de Kristin, que fica hospedado no site da empresa. Os turistas que escolherem esses cruzeiros terão a oportunidade única de conhecer pessoalmente a empresária e experimentar, em primeira mão, sua paixão pelo cruzeiro de rio enquanto aprendem o que está no horizonte desta ideia inovadora. Além de desfrutar da variedade de excursões diárias, caminhadas, passeios de bicicleta, refeições maravilhosas e vinho e cerveja oferecidos gratuitamente, os hóspedes a bordo poderão participar das populares atividades de bem-estar da companhia conduzidas por um anfitrião indicado pela própria Kristin.

  • Dolomitas italianas com a Indagare

    A empresa: A Indagare é uma empresa de planejamento de viagens que atende exclusivamente associados e oferece conteúdo com curadoria, personalização e roteiros em grupo em torno de interesses em comum. A agência faz parcerias com seus membros para criar itinerários únicos com direito a acessos aos bastidores que não podem ser encontrados em nenhum outro lugar.

    A fundadora: Depois de uma carreira de sucesso como editora da “Town & Country” e da “Town & Country Travel”, Melissa Biggs Bradley fundou a Indagare em 2007 porque acreditava que criar uma plataforma de intercâmbio entre viajantes apaixonados permitiria jornadas mais transformadoras e conexões globais mais significativas. Ela já visitou mais de 100 países e, mais recentemente, tem explorado o Líbano, a Arábia Saudita, Madagascar, Egito e Colômbia.

    As viagens: O programa “Insider Journeys” da Indagare oferece roteiros únicos concebidos em torno de pontos de interesses em comum, o que inclui design e arquitetura contemporâneos, aventura ao ar livre e bem-estar. Uma das viagens mais longas e mais populares é com foco em bem-estar e condicionamento físico organizada por Melissa para explorar as Dolomitas italianas em caminhadas diárias guiadas e uma estadia no Rosa Alpina Lodge. A próxima será entre 15 e 20 de setembro. Este ano, haverá mais de 40 excursões do programa em todo o mundo, de Marrakech e Ruanda a Milão e Beirute. Alguns dos outros itinerários sob demanda incluem uma viagem de primavera até Havana para a feira de arte da Bienal e uma visita ao Egito para ver as pirâmides e cruzar o Nilo.

  • Peru com a Andeana Hats e a Glossy Paradise

    A empresa: A Andeana Hats trabalha com artesãos quíchuas no Vale Sagrado do Peru para criar peças que capturam a energia do povo andino. Cada um dos chapéus tem uma faixa tecida com significado próprio. A Glossy Paradise é uma empresa de beleza natural que cria óleos faciais vindos diretamente das profundezas da floresta amazônica, onde os superalimentos ricos em nutrientes curam a população indígena há séculos.

    As fundadoras: Para Laura Grier e Pats Krysiak, sua missão por trás da criação da Andeana Hats é capacitar as mulheres, ajudar os artesãos globais a continuarem seu trabalho e capacitá-los para tirar suas comunidades da pobreza.

    A viagem: Laura e Pats convidam os viajantes a se juntarem a elas em uma de suas inspiradoras viagens de oito noites pelo Vale Sagrado e Amazônia no Peru, visitando a origem de seus negócios: Andeana Hats e Glossy Paradise. Elas fizeram uma parceria com a organização sem fins lucrativos Awamaki para criar passeios sustentáveis ​​que não são apenas divertidos e educativos, mas também proporcionam um impacto positivo nas comunidades quíchuas. Na visita, os turistas conhecem quem está por trás dos produtos, presenciam a sua criação do zero e têm momentos de relaxamento e exploração enquanto apreciam a incrível beleza do Vale Sagrado e da Amazônia, dois mundos completamente diferentes que existem no Peru.

  • Tanzânia com a Duma Explorer

    A empresa: A Duma Explorer é uma empresa de safári e trekking baseada em Arusha, na Tanzânia, que oferece uma janela única para a paisagem, vida selvagem e cultura desta extraordinária região.

    A fundadora: Nascida nos Estados Unidos, Stacy Readal visitou pela primeira vez a Tanzânia em 1998, enquanto estudava na universidade. Depois de se voluntariar para um trabalho de educação e prevenção do HIV/AIDS por dois anos em uma pequena cidade nas encostas do Monte Kilimanjaro, ela se juntou a um parceiro local e iniciou o Duma Explorer. Em 2012, Stacy e um parceiro comercial lançaram uma segunda empresa, a Chaka Camps, e agora operam três campings nos parques nacionais da Tanzânia.

    A viagem: No verão de 2020, os viajantes poderão explorar a Tanzânia com Stacy em um safári de oito dias que começa em Arusha e inclui locais como o Parque Nacional Tarangire, a Cratera Ngoronoro e o Parque Nacional Serengeti. Os participantes visitarão a vila e a casa onde a fundadora passou seus vários anos na Tanzânia, conhecerão a escola construída pela Duma Explorer e terão uma incrível experiência de safári nas tendas de luxo da Chaka Camps.

  • Havaí com a Damesly

    A empresa: A Damesly é uma empresa de turismo para mulheres que organiza viagens combinadas com workshops de desenvolvimento criativo e profissional.

    A fundadora: Kelly Lewis – uma especialista em turismo feminino – fundou várias empresas no setor. Seus projetos incluem o “Go! Girls Guide” (guias de viagem para mulheres) e o anual Women’s Travel Fest. Ela começou a Damesly como uma forma de ajudar as mulheres a conhecerem o mundo ao mesmo tempo em que aprendem novas habilidades capazes de ajudá-las a crescer de forma criativa e profissional.

    A viagem: Viaje para o Havaí com a própria Kelly, que cresceu em Oahu, onde a visita acontece. A excursão “Islands + Identity”, entre 17 e 23 de maio, incluirá aulas de surfe, de hula, snorkeling e paddle boarding, bem como um tempo no spa e um trabalho profundo com um profissional licenciado para ajudar os viajantes a conhecerem seus pontos fortes e objetivos. Outras viagens incluem a “Cameras + Canyons”, de 6 a 9 de setembro, uma oficina de fotos liderada por um fotógrafo especializado no Grand Canyon, Antelope Canyon e Horseshoe Bend; e a “Writing + Riding”, entre 7 e 10 de junho, um workshop de escrita criativa combinado com passeios a cavalo na Rocky Mountains.

  • Tibete, Ruanda e África do Sul com a Souljourn Yoga

    A empresa: A Souljourn Yoga é uma organização sem fins lucrativos que conscientiza e financia ações nos países em desenvolvimento por meio de retiros de ioga, como forma de promover o empoderamento feminino e a educação de meninas de comunidades onde nem sempre existem oportunidades parecidas.

    A fundadora: Jornalista internacional que se tornou professora de ioga, Jordan Ashley reconheceu a necessidade de uma prática baseada em serviços e experiências que dessem perspectiva ao indivíduo por meio do altruísmo. Sentindo-se extremamente abençoada por não só ter a oportunidade de receber educação, mas também de ter voz na sociedade, ela sentiu que era seu dever despertar tanto a conscientização quanto levantar fundos para as meninas de todo o mundo que têm direitos humanos essenciais negados.

    A viagem: Jordan está na liderança de três retiros futuros, começando com “A Tribe Called Tibet”, entre 25 de maio e 1o de junho, uma semana de yin e yang, movimento e meditação, luxo e mudança social no platô tibetano. O roteiro incluirá um dia transformador na Educating Girls of Rural China, uma organização sem fins lucrativos dedicada a fornecer educação superior a mulheres jovens de classe baixa. No “Yoga Adventure Rwanda”, que será de 25 de junho a 5 de julho, os participantes vão experimentar uma imersão cultural completa em uma trilha com chimpanzés e visitar um coletivo de mulheres em Kigali. Em janeiro de 2020, a fundadora vai proporcionar uma viagem à Cidade do Cabo, na África do Sul, entre os dias 17 e 26, que inclui voluntariado para o Programa de Empoderamento Feminino com Lalela Project, que usa um currículo artístico para instigar a imaginação e ensinar as crianças como mapear e manifestar seus sonhos e objetivos.

  • Tanzânia com a AdventureWomen

    A empresa: A AdventureWomen convida mulheres que viajam sozinhas e/ou com seus amigos ou familiares para explorações cheias de descobertas em mais de 30 destinos. O empreendimento é copropriedade de Judi Wineland, que é também cofundadora da Thomson Safaris e fundadora da Thomson Family Adventures.

    A coproprietária: Junto com suas filhas Erica e Nicole, Judi Wineland é coproprietária da AdventureWomen, que ela acredita ser muito mais do que uma empresa de viagens. Trata-se de uma empresa de “relacionamento” que incentiva as mulheres a construírem novas conexões com o mundo, com elas mesmas e com outras mulheres que pensam como elas em todo o mundo. Judi também é cofundadora da Thomson Safaris, uma operadora turística de safári na Tanzânia que ela criou em 1981 com seu marido, Rick Thomson. Em 1998, a empreendedora também fundou a Thomson Family Adventures, baseada nos EUA, que se dedica a proporcionar às famílias viagens emocionantes em todo o mundo.

    A viagem: Judi vai liderar três viagens pela Tanzânia com a AdventureWomen em maio e outubro de 2019, local onde a anfitriã passa uma temporada todos os anos desde 1979 (e onde ela e o marido lançaram a Thomson Safaris, em 1981). Este itinerário único inclui a oportunidade de assistir à Grande Migração anual no Serengeti (de gnus), participar de safáris diurnos e noturnos na Cratera de Ngorongoro e desfrutar de uma cozinha gourmet – da fazenda à mesa – e de acomodações luxuosas na Gibbs Farm. A excursão também oferece experiências inigualáveis ​​para as mulheres abraçarem completamente a cultura da Tanzânia à medida que conhecem o grupo feminino de empreendedoras locais e as líderes autônomas do Grupo de Mulheres Enjipai, em uma região remota do norte do país.

  • Baviera e Oktoberfest com a WHOA Travel

    A empresa: A WHOA Travel é uma agência de viagens de aventura para mulheres que as tira de sua zona de conforto. A proposta é a conexão com mulheres de todo o mundo – com direito a muita diversão durante o processo.

    As fundadoras: Cofundadoras e aventureiras, Allison Fleece e Danielle Thornton acreditam que o estilo da WHOA vai muito além de viajar. Trata-se de correr riscos, não levar a vida – e nem a si mesmo – muito a sério e aproveitar todas as oportunidades para estar ao ar livre e na ativa. As duas, também conhecidas como “Dallison”, acreditam em fazer escolhas alinhadas com suas crenças, como apoiar os interesses das mulheres e empresas locais, especialmente durante viagens.

    A viagem: Allison lidera uma das principais aventuras anuais da WHOA – uma viagem à Baviera e Oktoberfest, que este ano será entre os dias 19 e 24 de setembro. É um dos únicos roteiros da empresa que não acontece em grandes altitudes, mas ainda é cheio de aventura, com caminhadas, ciclismo e parapente ao redor da Bavária, um lugar onde todas as trilhas levam a um recanto de cerveja. O grand finale é uma cobiçada reserva na Oktoberfest, em Munique. A empresária morou na cidade por três anos, então os turistas podem esperar experiências locais e dicas, além de descobrir que há muito mais do que apenas cervejas por lá.

Marrocos, Espanha e Argentina com a Naya Traveler

A empresa: A Naya Traveler oferece itinerários altamente personalizados e viagens experimentais pensadas para destinos culturalmente ricos.

As fundadoras: Sofia Mascotena, Sarah Casewit e Marta Tucci acreditam que as histórias e conexões que surgem de uma viagem com “naya” (propósito) são tão importantes quanto aquelas que são tangíveis. A empresa trabalha usando como base as relações pessoais das fundadoras com os trabalhadores locais, de artistas tradicionais e autores literários a etnógrafos e muito mais.

A viagem: A primeira viagem da Naya Traveler será para o Marrocos, entre 3 e 13 de junho, com Sarah, que chamou o país de casa por mais de 20 anos. Ela levará um pequeno grupo de 12 pessoas em uma viagem de 10 dias pelos seus destinos preferidos, incluindo a cidade medieval de Fez, o deserto do Saara, a Cidade Vermelha de Marrakesh e muito mais. A Naya Traveler oferecerá mais duas saídas lideradas pelas fundadores em 2020: Marta irá com um pequeno grupo à Espanha e Sofia à Argentina, seus respectivos países de origem.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).