As propriedades que estão em jogo no divórcio de Bill e Melinda Gates

O principal imóvel do casal, apelidado de Xanadu 2.0, está avaliado em US$ 131 milhões .

Noah Kirsch
Compartilhe esta publicação:
Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

A propriedade Gates em Medina, Washington

Acessibilidade


O anúncio do divórcio de Bill e Melinda Gates, provavelmente, desencadeará uma das maiores divisões de bens pessoais da história. Bill Gates é atualmente a quarta pessoa mais rica do mundo, com uma fortuna de US$ 128,9 bilhões, proveniente de sua participação de US$ 25 bilhões na Microsoft, uma série de investimentos de capital aberto e uma coleção de propriedades ultraluxuosas espalhadas pelos Estados Unidos.

A casa principal do casal, uma propriedade de US$ 131 milhões apelidada de Xanadu 2.0, se estende por 6.131 m² e levou sete anos para ser construída. Possui uma sala de trampolim, seis cozinhas e um riacho artificial. Suas outras casas incluem uma mansão de US$ 43 milhões à beira-mar em Del Mar, Califórnia, e uma propriedade equestre em Wellington, Flórida, que também conta com os bilionários Jeremy Jacobs, Michael Bloomberg e John Malone como proprietários.

LEIA TAMBÉM: Ilha grega que já foi de Aristóteles Onassis promete ser o próximo paraíso dos bilionários

Não é fácil ignorar o enorme portfólio de terras agrícolas. O casal é o maior proprietário de terras agrícolas privadas nos Estados Unidos, com 98.000 hectares, de acordo com o “The Land Report”, com as maiores áreas em Louisiana (28.000 hectares), Arkansas (19.395 hectares) e Nebraska (8.300 hectares). No momento, não está claro como essa terra está sendo usada.

Eles também possuem quatro aviões particulares, uma vasta coleção de arte e o “Codex Leicester”, um caderno cheio de escritos científicos de Leonardo da Vinci, que Bill comprou por US$ 30,8 milhões em 1994.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Em algum nível, não importa como o casal planeja dividir seus bens. Junto com Warren Buffett, eles fundaram o Giving Pledge em 2010 – uma promessa feita por indivíduos de alto patrimônio de dar mais da metade de sua riqueza – e supostamente planejam deixar US$ 10 milhões para cada um de seus filhos, dedicando o resto às causas de caridade.

Já doaram mais de US$ 35 bilhões em ações da Microsoft para a Fundação Bill e Melinda Gates, a maior instituição de caridade privada do mundo, que concentra grande parte de seu trabalho na saúde pública. Em maio passado, por exemplo, a fundação disse que destinaria US$ 300 milhões para combater a pandemia de Covid-19.

Veja abaixo mais detalhes de algumas propriedades imobiliárias do ex-casal:

Medina, Washington

Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

Uma vista aérea da casa de Gates no Lago Washington

Localizada no Lago Washington, o apelido da casa, Xanadu 2.0, foi inspirado na morada do protagonista em “Cidadão Kane”. Com sete quartos e mais de 18 banheiros, a casa foi projetada para ser eficiente em termos de energia, ao mesmo tempo que oferece suporte a um sistema de som subaquático, telas alimentadas por quilômetros de cabos de fibra óptica e uma biblioteca particular de 195 m².

VEJA MAIS: O melhor do enoturismo no mundo: quatro vinícolas imperdíveis em Montalcino, na Itália

Del Mar, Califórnia

Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

A casa de praia de US$ 43 milhões em Del Mar, perto de San Diego

Esta casa de seis quartos foi projetada por Ken Rochetti e tem uma grande área no deque, garagem para quatro carros, jacuzzi e piscina de azulejos de vidro. Abrangendo 538 m², a propriedade de US$ 43 milhões é um marco em Del Mar. A última proprietária foi Madeleine Pickens, que já foi casada com o bilionário T. Boone Pickens.

 

Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

Interior da casa Del Mar

Indian Wells, Califórnia

A casa de seis quartos foi comprada em 1999 por US$ 12,5 milhões e, com 1.207 m², é uma das propriedades mais modestas do casal. Um dos principais atrativos é a proximidade de um campo de golfe projetado por Tom Fazio. Lee Iacocca morava nas proximidades.

Wellington, Flórida

A filha dos Gates, Jennifer, é bem conhecida nos círculos equestres, e há muito espaço para cavalgar nesta coleção de propriedades de 12 hectares em Wellington. A adição mais recente veio em 2019, uma fazenda de cavalos de US$ 21 milhões de pouco mais de 3 hectares.

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: