Conheça o apartamento de R$ 330 milhões no prédio residencial mais alto do mundo

O condomínio Central Park Tower, em Nova York, tem 430 metros de altura e 131 andares.

Emma Reynolds
Compartilhe esta publicação:
Evan Joseph
Evan Joseph

O Residence 123 ocupada todo o 123º andar do prédio residencial mais alto do mundo

Acessibilidade


O Central Park Tower, em Nova York, e muitos de seus apartamentos são dominados por superlativos. Ele é o prédio residencial mais alto do mundo, localizado na região que ficou conhecida como “Corredor dos Bilionários”. Muitos de seus imóveis são alguns dos mais altos em que você pode morar.

Entre as opções, a Residence 123, que abrange todo o 123º andar, é a mais cara do prédio, com valor de US$ 65,75 milhões (cerca de R$ 331 milhões). O imóvel de cinco quartos, cinco banheiros e um lavabo abrange 650 metros quadrados e tem vistas 360º de cair o queixo da cidade de Nova York e seu horizonte.

VEJA TAMBÉM: Casa de Bruce Willis no Caribe está à venda por R$ 192 milhões

O imóvel tem elevadores privativos que se abrem para a entrada. Há até uma antessala para o proprietário ou para aqueles que ficam no quarto principal, já que o ambiente, junto com o banheiro e o closet, ocupa uma ala inteira da casa. Além dos quartos, há um grande salão, sala de estar, cozinha espaçosa e biblioteca. 

Evan Joseph

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Janelas do chão ao teto envolvem todo o apartamento, garantindo uma vista incrível da cidade, seja tomando um chá na biblioteca ou lendo um livro na sala de estar.

Dentro da residência, cada quarto – todos diferentes entre si – tem um ambiente chique e elegante sob medida. Dos muitos recursos e materiais impressionantes, o banheiro principal em mármore preto, com uma banheira de imersão com vista para a cidade, se destaca. Há também um piano de cauda na sala de estar e muito espaço de parede perfeito para colecionadores de arte mostrarem suas peças.

Evan Joseph
Evan Joseph

O banheiro principal, de mármore preto

Não só o layout expansivo é atraente para um imóvel na cidade de Nova York, mas o design é inigualável. O designer do AD100 Bryan Brown é responsável pelos interiores imaculados da Residence 123. Ele se inspirou nas vistas e queria que o cenário fosse o centro das atenções, então projetou o apartamento com materiais macios, como seda, e tons quentes e neutros que evocam uma vibe confortável. Acabamentos artísticos, como luminárias esculturais, também adicionam um toque de design. 

“Nesta grande casa no Central Park Tower, nos inspiramos no exterior, o que significa que era imperativo abordarmos o design da sala como a peça central, sendo o foco as incríveis vistas do Central Park e do horizonte de Manhattan”, disse Bryan Brown à Forbes.

VEJA TAMBÉM: As 12 propriedades de luxo mais caras vendidas nos EUA em 2021

“A maioria dos móveis nesta residência foi feita sob medida para se adequar à escala do espaço. Como é uma casa nas alturas cercada por vidro, adicionamos muitos materiais quentes e macios que são naturais para torná-la confortável, habitável e convidativa.”

  • Evan Joseph
  • Evan Joseph
  • Evan Joseph
  • Evan Joseph
  • Evan Joseph
  • Evan Joseph
Evan Joseph

O projeto foi desenvolvido pela Extell Development, a mesma empresa de muitos dos edifícios de luxo de Nova York, como One57, One Manhattan Square e 555 West End Avenue. Adrian Smith + Gordon Gill Architecture são responsáveis ​​pela construção da Central Park Tower e por adicionar o edifício de 470 metros ao horizonte da metrópole.

“Este será o único condomínio em Manhattan a oferecer hospitalidade e serviços impecáveis do mesmo nível de um hotel e antecipar as necessidades dos compradores antes mesmo de saberem que as têm”, diz Joaquin Stearns, vice-presidente sênior de desenvolvimento da Extell Development Company. “Além da arquitetura requintada, plantas baixas graciosas, acabamentos elegantes e vistas extraordinárias que definem nossas casas, temos a maioria das comodidades no ‘Corredor dos Bilionários’.”

A torre fica na 217 West 57th entre a Broadway e a 7th Avenue e tem vistas magníficas do Central Park. Se você optar por deixar o conforto de sua enorme residência, as comodidades do edifício incluem o Central Park Club, um clube privado apenas para membros com mais de 4.600 metros quadrados com piscina privativa, restaurante, solário, academia, spa e mais.

Evan Joseph
Evan Joseph

Piscina do Central Park Tower

O 100º andar tem ainda um salão de festas, sala de jantar, bares, cozinha com serviço completo e salões de vinho e charutos.

“Também contratamos o planejador de estilo de vida de celebridades Colin Cowie como especialista exclusivo do edifício e planejador de eventos”, diz Stearns. “Nas mãos da equipe de Colin, o Central Park Tower contará com chefs famosos que incluem Alfred Portale, Laurent Tourondel e Gabriel Kreuther, que criarão um programa inigualável de alimentos e bebidas.”

VEJA TAMBÉM: 5 casas multimilionárias com vistas bonitas à venda pelo mundo

Esta é uma das residências mais altas em que se pode morar no mundo e definitivamente uma das mais altas da cidade de Nova York. A localização privilegiada também significa que se está perto de lojas de grife, teatros, restaurantes com estrelas Michelin e algumas das atrações mais emocionantes de Nova York.

“Como o prédio residencial mais alto do mundo, o Central Park Tower foi um empreendimento enorme com construção complexa e levou mais de uma década para ser concretizado”, diz Stearns. “Também queríamos oferecer aos nossos compradores um estilo de vida inigualável e uma experiência de lazer com curadoria, onde tudo o que eles poderiam precisar está sob o mesmo teto.”

Compartilhe esta publicação: