Pesquisa aponta que Siri e Alexa podem ser hackeadas com laser

Stephen Brashear/Getty Images
Stephen Brashear/Getty Images

Os pesquisadores descobriram que podem invadir qualquer sistema acionado por comandos de voz, incluindo a Siri em iPhones e iPads

Resumo:

  • Pesquisadores das Universidades de Michigan e da Eletro-Comunicações de Tóquio descobriram um jeito novo e simples de hackear aparelhos que funcionam por comandos de voz;
  • Os estudos mostram que, nos microfones dos gadgets, a luz funciona como som;
  • Dependendo da intensidade e frequência, um simples laser pode dizer “Ok Google” ou “Alexa”.

Pesquisadores da Universidade de Michigan e da Universidade de Eletro-Comunicações de Tóquio descobriram que é possível hackear sistemas que funcionam por comando de voz, como a Siri em aparelhos da Apple e Alexa no Amazon Echo Dot, usando luz. Em seus experimentos, eles conseguiram hackear esses aparelhos usando a luz vinda de um laser portátil, como aqueles encontrados na ponta de uma caneta.

LEIA MAIS: Serviço da Amazon de entrega de compras de mercado será gratuito para assinantes Prime

A tecnologia age da seguinte maneira: esses sistemas funcionam pela vibração que a voz do usuário gera no “diafragma” do microfone, criando sinais elétricos que dão instruções à Siri, à Alexa ou a qualquer outro tipo de sistema similar. Os pesquisadores descobriram que essas vibrações podem ser causadas por luz se ela for apontada bem na direção do microfone. Diferentes vibrações e intensidades de luz dão diferentes comandos.

Em seus estudos, os pesquisadores conseguiram usar o laser para abrir a porta da garagem de uma casa que tinha esse sistema. Esses fatos são preocupantes porque o número de pessoas com esses sistemas inteligentes conectando todos os aspectos elétricos da casa é cada vez maior. Eles podem ligar e desligar luzes, abrir portas e janelas etc.

Esses comandos podem ser ativados, quando com os aparelhos certos, de grandes distâncias. Se um iPhone estiver próximo à janela de um apartamento, por exemplo, a ameaça silenciosa de um laser no prédio vizinho pode ativar a Siri.

Segundo a analista do mercado tecnológico Canalys, mais de 26 milhões de aparelhos como o Amazon Echo Dot foram vendidos no segundo trimestre do ano. O usuário pode ligar diversos sistemas a um único aparelho desses e até realizar compras na internet apenas com comandos de voz – e agora, de luz.

A Amazon afirmou em uma declaração que “está revisando a pesquisa e trabalhando com os pesquisadores para entender mais sobre ela”.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).