Lucro líquido da Cosan tem queda acentuada no 4º tri

Empresa de energia registrou R$ 792,5 milhões, 403% menos que 2018.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Balanço
Balanço

O lucro ajustado da empresa foi de R$ 392 milhões no quarto trimestre

Acessibilidade


A empresa de energia Cosan informou ontem (14) que teve lucro ajustado de R$ 392 milhões no quarto trimestre, ante R$ 730,3 milhões no mesmo período de 2018.

O lucro líquido do período somou R$ 792,5 milhões, queda de 403% sobre um ano antes.

VEJA MAIS: Banco Central decreta liquidação da financeira Dacasa, de Vitória

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado entre outubro e dezembro somou R$ 1,373 bilhão, ante R$ 1,485 bilhão no quarto trimestre de 2018. O Ebitda que inclui efeitos extraordinários foi de R$ 2,1 bilhões, queda de 6,2%.

A Cosan informou ainda que a moagem de cana da Raízen Energia, joint venture da empresa com a Shell, foi de 12 milhões de toneladas no trimestre, encerrando o ano safra com um total de 59,6 milhões de toneladas processadas, em linha com a safra anterior.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A produção de açúcar equivalente somou 1,7 milhão de toneladas (+10%), privilegiando a produção de etanol (54% do mix) dada a maior rentabilidade sobre o açúcar.

A Raízen Energia alcançou Ebitda ajustado de 628 milhões de reais (-25%), em linha com a estratégia de venda do ano.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: