Jack Dorsey e Paul Singer começam batalha pelo Twitter

ReproduçãoForbes
Jack Dorsey, o CEO bilionário do Twitter

Uma batalha de bilionários pode estar começando no Twitter.

O gerente de fundos de hedge, Paul Singer, assumiu uma participação na empresa de mídia social e agora quer substituir Jack Dorsey como CEO do Twitter e conseguir quatro cadeiras no conselho.

LEIA MAIS: Para CEO do Twitter, África é o “futuro do bitcoin”

Dorsey é um CEO não convencional, dividindo seu tempo entre o Twitter, de US$ 26 bilhões (valor de mercado) e a Square, empresa de pagamentos digitais. Essa esquematização faz parte do motivo pelo qual a empresa Elliott Management, de Singer, está pressionando por mudanças. Outro é o desejo declarado de Dorsey de se mudar para a África, de acordo com a Bloomberg. Por enquanto, o tamanho da participação da Elliott Management no Twitter não é conhecido, e um porta-voz da empresa se recusou a comentar sobre o assunto. O Twitter também não falou sobre.

Singer tem sido um cara ocupado ultimamente. No ano passado, acumulou uma participação de US$ 25 bilhões no SoftBank depois que seu investimento na WeWork dizimou suas ações na AT&T. Ele fundou a Elliott Management em 1977 e é um dos investidores mais reverenciados e temidos de Wall Street. No passado, teve países inteiros como adversários, principalmente no caso em que realizou uma campanha de um ano para fazer com que a Argentina pagasse seus títulos. Singer e os outros debtholders venceram em grande parte essa luta. Em 2016, a Argentina concordou em pagar US$ 4,75 bilhões, três quartos do que era devido.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).