Senado aprova projeto que impede exportação de produtos de combate ao coronavírus

Itens para a saúde, como medicamentos e imunobiológicos, estão na lista da proibição.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Aleksandr Zubkov/Getty Images

Máscaras hospitalares não poderão ser exportadas, segundo aprovação do Senado

Acessibilidade


O Senado aprovou ontem (26) projeto que permite a proibição ou restrição de exportação de produtos que sejam considerados essenciais para o enfrentamento da epidemia do novo coronavírus no país, informou a Agência Senado.

Aprovado em forma de um substitutivo, em sessão remota, o projeto abrange saneantes, produtos para a saúde, medicamentos e imunobiológicos, incluindo álcool em gel e máscaras hospitalares.

LEIA MAIS: Tudo sobre o coronavírus

Como os senadores modificaram a matéria em relação ao texto aprovado na Câmara, ela voltará para nova votação pelos deputados.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: