Eduardo Saverin ultrapassa Jorge Lemann e se torna brasileiro mais rico do mundo

Getty Images
Getty Images

O brasileiro cofundador do Facebook está listado no 95ª posição no ranking de bilionários da Forbes, com fortuna estimada em US$ 19,5 bilhões.

O brasileiro cofundador do Facebook, Eduardo Saverin, ultrapassou o investidor Jorge Paulo Lemann e é hoje (5) o brasileiro mais rico do mundo, de acordo com o ranking de bilionários da Forbes. Saverin estudou em Harvard, junto com Mark Zuckerberg, em 2004, ano em que fundaram a rede social ao lado de mais três colegas. A maior parte de sua fortuna de US$ 19,5 bilhões é proveniente da participação na empresa.

Saverin também é responsável por outros negócios. Em 2016, por exemplo, ele lançou o fundo de risco B Capital, ao lado de Raj Ganguly, economista não listado no ranking da Forbes. O fundo de risco investe em empresas de tecnologia em estágio avançado, localizadas na Ásia, Europa e EUA, e já arrecadou US$ 766 milhões.

LEIA MAIS: Bilionária aos 31 anos, ela quer tornar a internet mais segura para as mulheres

Nascido em São Paulo em 1982 e criado nos Estados Unidos desde 1992, Saverin renunciou à cidadania norte-americana em 2012 e é atualmente residente em Singapura. Em 2020, o empresário ocupou a 4ª posição no ranking de pessoas mais ricas do país asiático, da Forbes. Atualmente, na lista global, ele está listado no 95° lugar.

A fortuna de Jorge Paulo Lemann, que agora figura na segunda posição entre os brasileiros mais ricos do mundo, é agora estimada em US$ 19,4 bilhões, ante US$ 19,5 bilhões da última sexta-feira.

Além da nacionalidade brasileira, ambos também compartilham a passagem pela Universidade de Harvard. O dono da Ambev, no entanto, já possui 81 anos, o dobro da idade de Saverin, atualmente com 39 anos.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).