Bancos russos devem emitir cartões de companhia chinesa após Visa e Mastercard suspenderem serviços

Cartões de crédito emitidos por bancos russos com os sistemas Visa e Mastercard deixarão de funcionar no exterior a partir de 9 de março.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Hank5/Getty Images
Hank5/Getty Images

O anúncio do banco central russo veio  depois de as empresas Visa e Mastercard informaram a suspensão das operações no país

Acessibilidade


Cartões de crédito emitidos por bancos russos que usam os sistemas de pagamento Visa e Mastercard deixarão de funcionar no exterior a partir de 9 de março, disse o banco central da Rússia hoje (6), acrescentando que algumas instituições financeiras locais procurariam usar o sistema UnionPay da China.

De acordo com o banco central, a proibição no exterior também se aplica a cartões emitidos por subsidiárias locais de bancos estrangeiros.

O anúncio veio depois que as empresas de pagamentos dos EUA Visa e Mastercard informaram a suspensão das operações na Rússia, juntando-se à lista de empresas que estão cortando laços comerciais com a Rússia.

O banco central acrescentou que muitos bancos russos planejam emitir cartões usando o UnionPay, um sistema que disse estar habilitado em 180 países.

Embora vários bancos russos já usem o UnionPay, outros, incluindo o Sberbank e o Tinkoff, podem começar a emitir cartões com o sistema de pagamentos doméstico da Rússia com o UnionPay, acrescentou.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os cartões Mastercard e Visa emitidos na Rússia seriam aceitos dentro do país até o vencimento, disse o banco.

Compartilhe esta publicação: